(Fonte da imagem: Reprodução/NASA)

Se você pensava que era só aqui na Terra que ocorriam tempestades com furacões devastadores, dê uma olhada na imagem acima, registrada pela sonda espacial Cassini. De acordo com a NASA, que divulgou a foto, trata-se de um monstruoso ciclone que se formou no polo norte de Saturno.

Segundo o Discovery News, que publicou uma notícia sobre o ciclone, graças à sua rápida rotação Saturno conta com uma das maiores velocidades de vento registradas no Sistema Solar, alcançando mais de 500 metros por segundo e soprando na direção leste ao longo do equador. Contudo, nas latitudes mais altas, os ventos sopram em várias direções, criando tempestades e ciclones que, por sua vez, determinam a dinâmica dos ventos do planeta.

A imagem foi capturada pela sonda espacial Cassini com o uso de um filtro infravermelho a uma distância de 400 mil quilômetros da superfície. Porém, apesar de parecer devastador, dê uma olhadinha na imagem abaixo. À distância, e considerando as gigantescas proporções de Saturno, o ciclone parece bem menos ameaçador, você não acha?

(Fonte da imagem: Reprodução/NASA)