5 pessoas que conseguiram coisas incríveis e podem não ter existido
1.732
Compartilhamentos

5 pessoas que conseguiram coisas incríveis e podem não ter existido

Último Vídeo

A civilização conhece muitos heróis. Alguns deles anônimos, alguns famosos, alguns misteriosos. E, ao longo da nossa história, tivemos a presença de muitas pessoas que mudaram sociedades inteiras, mas que ainda permanecem como verdadeiros enigmas para quem ouve falar sobre eles. Você consegue imaginar alguém que se encaixe nisso?

O site ListVerse montou uma seleção com vários nomes que grande parte da população já conheceu... Ou pensa ter conhecido! Confira agora alguns dos heróis que conseguiram realizar feitos inacreditáveis e que são cultuados em todo o mundo, mas que podem ter sido inventados por outras pessoas. Será que eles são reais?

1. Laozi: o criador do taoísmo

Laozi escreveu sozinho um livro chamado Tao Te Ching — O Livro do Caminho e da Virtude —, que é a base de diversas religiões: Taoísmo, Budismo Chan e Budismo Zen. As escrituras afirmam que ele viveu cerca de 500 anos a.C, mas há diversas teorias de que ele nunca existiu de verdade. Segundo essas teorias, o Tao Te Ching é apenas uma reunião de provérbios que foram atribuídos a uma figura icônica para facilitar a difusão do texto.

2. Jiri Kajane: o segundo maior escritor albanês

O maior escritor da Albânia chama-se Ismail Kadare, que ficou famoso em todo o mundo durante a década de 1990. O segundo é Jiri Kajane, que teve seus escritos publicados em vários idiomas, narrando a vida cotidiana no país do leste europeu. O detalhe é que ele nunca existiu, mas foi criado por dois estudantes norte-americanos.

3. São Valentim: o santo dos namorados

Em muitos países, o Dia dos Namorados é comemorado no dia 14 de fevereiro, o Dia de São Valentim. Mas a grande verdade é que até mesmo a Igreja Católica desconfia da existência dele — por causa disso, desde 1799 a Igreja deixou de declarar o 14 de fevereiro como uma data oficial. Há a teoria de que o Papa Gelásio I tenha inventado o santo para competir com a data que era comemorada pelos pagãos como o Festival da Lupercália.

4. Sun Tzu: o general-escritor

“A Arte da Guerra” é um livro citado por palestrantes empresariais, técnicos de futebol e muitos outros especialistas em motivação. Ele foi escrito por Sun Tzu, um general do exército chinês que teria vivido entre 544 e 496 a.C. O problema é que muitos especialistas afirmam que o estilo de escrita de “A Arte da Guerra” é completamente incondizente com o período em que ele teria sido desenvolvido — o que pode comprovar a inexistência dele.

5. Homero: o criador da literatura

A Homero são atribuídos os poemas épicos “Odisseia” e “Ilíada”. Por séculos, a ele foi assimilada a criação da literatura. Mas há pouquíssimas chances de que ele tenha sido uma figura real. Segundo as teorias mais recentes, Homero foi apenas um pseudônimo a que foram atribuídos os escritos de séculos da cultura grega.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.