(Fonte da imagem: Divulgação/Marina Bay Sands)

Quando falamos em luxo, muitas pessoas imaginam locais maravilhosos (praias paradisíacas, por exemplo) e objetos de desejo (como carros caríssimos), mas apenas uma pequena parcela da população mundial conhece essa palavra em seu mais profundo significado. Se você quer saber o que é viver no “luxo”, então vai adorar conhecer o Marina Bay Sands Singapure, um dos hotéis mais caros do mundo – e com alguns diferenciais para deixar qualquer um de boca aberta.

O Marina Bay fica em Singapura – cidade-estado localizada na Península da Malásia –, possuindo mais de 2.500 quartos (com valores de diárias que se iniciam nos R$ 518 e podem chegar a quase R$ 1.200, segundo o site Hotéis.com) para abrigar os clientes. Além disso, o hotel conta com salas de ginástica, cassinos, um spa e várias lojas de presentes (nada modestos).

Para a construção do Marina Bay, foram gastos mais de seis bilhões de dólares. Ele não tem pretensões de ser o mais alto do mundo, possuindo apenas 55 andares. Mesmo assim, é um recordista, por colocar uma piscina de 150 metros a uma altura de 191 metros, sendo a maior piscina do mundo a essa distância do chão.

A piscina mais vertiginosa do mundo

Se a piscina fosse apenas uma instalação aquática, certamente ela não mereceria tamanho destaque nesta matéria. Mas então o que faz dela algo tão incrível? A verdade é que ela é uma das obras mais vertiginosas de toda a história da engenharia (pelo menos quando falamos em hotéis). Sendo observada de vários ângulos, ela parece ir em direção ao infinito – veja mais detalhes sobre isso na galeria abaixo.

(Fonte das imagens: Reprodução/DailyMail, Divulgação/MarinaBaySands e Reprodução/DesignBoom)

Como você pode ver, ela foi construída para causar a impressão de que os “nadadores” estão prestes a cair em um enorme precipício artificial. Mais do que isso, é muito fácil perceber que a água está indo além da borda da piscina, mas será que ela está sendo jogada para fora do hotel?

Para o alívio dos mais acrofóbicos (aqueles que têm medo de altura), todo esse sistema aquático é muito mais seguro do que as imagens tentam mostrar. Está curioso para saber qual é o grande segredo da amedrontadora piscina do Marina Bay? Então veja a foto que está logo abaixo deste parágrafo.

(Fonte da imagem: Reprodução/Speedy Wheels)

Pouco mais de um metro além do final da piscina, existe um segundo final da piscina. “Como assim? Dois finais?”. Quase isso. Como já dissemos, a água transborda durante todo o tempo – e é isso que causa a impressão de que ela é infinita –, mas o que ainda não havíamos contado é que existe uma estrutura secundária para recuperar a água perdida.

Caindo nos reservatórios, ela é novamente jogada na piscina, e isso evita que seja desperdiçada uma enorme quantidade de água. Além disso, a estrutura também garante que nenhum hóspede do hotel acabe sendo derrubado dos quase 200 metros de altura. E para não “estragar” a sensação dos visitantes, o segundo muro é um pouco mais baixo, não sendo visto por outros ângulos.

SkyPark

No alto do prédio, existe muito mais do que a piscina sobre a qual falamos anteriormente. O Skypark é uma enorme estrutura que liga as três torres do hotel, permitindo que os hóspedes e visitantes (que podem pagar à parte para acessar a estrutura) tenham uma vista privilegiada de Singapura – inclusive do circuito de Fórmula 1. Lá também existem diversos ambientes para reuniões, festas e outros eventos.

(Fonte da imagem: Divulgação/Marina Bay Sands)

.....

Certamente, o Marina Bay é um daqueles hotéis que nenhum hóspede do mundo conseguiria colocar defeito. Será que você iria gostar de passar um tempo por lá?