Conheça a história da mulher mais ciumenta do mundo
2.671
Compartilhamentos

Conheça a história da mulher mais ciumenta do mundo

Último Vídeo

É normal que as pessoas sintam ciúmes de seus namorados, noivos, maridos – tem até quem acredite que isso ajuda a manter o relacionamento saudável. O problema é quando as coisas saem do controle e, nesse sentido, a história da britânica Debbi Wood, de 42 anos, pode ser usada como exemplo.

Diagnosticada com “síndrome de ciúmes delirante”, você já deve imaginar que Debbi exagera na dose quando o assunto envolve seu noivo Steve Wood, de 30 anos. Ela é tão possessiva que chega a proibir o noivo de assistir televisão, para que ele não veja outras mulheres.

E não é só isso, não! Debbi vasculha as coisas do amado à procura de provas de traições, o que inclui checagem diária de e-mails, redes sociais e celular. Isso sem falar, é claro, no fato de que ela instalou programas no celular e no computador do amado para impedir que ele tenha acesso a sites de pornografia ou a qualquer material que contenha fotos de outras mulheres.

Ciúme extremo

Fonte da imagem: Reprodução/DailyMail

Ela acredita que, quando se está em um relacionamento, não se deve ter olhos para mais ninguém, e é esse pensamento que permeia sua mania absurda de controlar a vida do noivo a tal ponto em que ela chega a usar aparelhos detectores de mentira.

Debbi sofreu bastante com o fim de um relacionamento longo que viveu com um homem nos EUA, e diz ter medo de que o mesmo aconteça de novo. Steve, apesar de toda a pressão e da constante desconfiança, afirma que é feliz ao lado da noiva.

Quanto ao teste de mentiras, ele explicou que fica inseguro no momento de responder às perguntas de Debbi e que quando o resultado é inconclusivo, ele simplesmente reza para que a noiva acredite em sua palavra. Isso que é cerco fechado, hein!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.