Idosas contam o que fariam diferente se pudessem voltar no tempo [vídeo]
135
Compartilhamentos

Idosas contam o que fariam diferente se pudessem voltar no tempo [vídeo]

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

Estamos acostumados a crescer pensando em objetivos profissionais e pessoais, de modo que, não raramente, nos colocamos em situações de extrema pressão em prol de um objetivo de força maior, você já reparou?

É claro que nossas metas de vida merecem o esforço, mas será que às vezes não estamos correndo o risco de perder momentos de diversão e de emoção no meio do caminho para alcançar aquilo que queremos? Será que às vezes não acabamos esquecendo que o tempo passa e que, com ele, passa também a nossa vida?

Uma campanha promovida pelo Spa Sanctuary, do Reino Unido, abordou essa questão de um jeito bastante emocionante. O vídeo que você vai ver a seguir mostra os depoimentos de algumas senhoras que nos contam o que fariam de diferente se pudessem voltar no tempo. Assista:

De acordo com os dados colhidos por uma pesquisa feita pelo próprio estabelecimento, no Reino Unido quatro em cada cinco mulheres assumem que pressionam demais a si mesmas, com o objetivo de alcançarem a perfeição; e, dessas, 80% não se sentem boas o suficiente.

No vídeo, um grupo de mulheres idosas questiona o estilo de vida das mulheres de hoje em dia, influenciadas pela tecnologia que as acaba pressionando ainda mais, e ainda revela o que mudariam se pudessem voltar no tempo. Uma delas diz que não saberia viver se fosse jovem no mundo de hoje. Outra afirma que as oportunidades atuais e a tecnologia deveriam nos proporcionar um mundo de prazer.

Ao contrário disso, no entanto, a palavra de ordem da atualidade parece ser “pressão”. Pressão para ser uma boa esposa, uma boa mãe, uma boa funcionária, uma boa chefe.

“Se eu tivesse meu tempo de volta, eu não criaria uma lista do que fazer. Eu criaria uma lista do que não fazer”, diz uma das mulheres. “Eu me daria o tempo para aproveitar as coisas que, agora eu sei, são as mais importantes”, afirma outra.

Uma mulher disse que demoraria mais na hora de dar beijos de boa noite e reclamaria menos por ter que acordar cedo no dia seguinte. Segurar mais os filhos no colo antes de eles ficarem grandes demais para isso também foi uma das coisas citadas por uma idosa. Outra disse que gostaria de ter ficado mais tempo em pistas de dança, quando suas pernas eram fortes o suficiente para mantê-la em pé.

Essas mesmas mulheres dão conselhos às mulheres que hoje estão jovens. Estar em paz com o mundo, ser gentil consigo mesma e com os outros, desapegar de algumas coisas e ter orgulho disso. “Acredite: se eu fosse uma jovem mulher agora, eu passaria mais tempo sendo. E não fazendo”.

A pesquisa realizada pelo Sanctuary revelou os cinco pontos principais que fazem com que as mulheres se sintam pressionadas atualmente: equilibrar tudo de uma vez; ser interessante; ser inteligente; ter um corpo perfeito; ter a casa perfeita.

Ao final do vídeo, o alerta: sete em cada dez mulheres no Reino Unido se sentem pressionadas a ser a “mulher perfeita”. A mensagem final é simples: respire, relaxe e se liberte. E você, o que achou dessa campanha?

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.