Se você é daquelas pessoas que adoram balinhas e têm por costume separar os sabores por cor, encontramos a máquina perfeita para você. Brian Egenriether, um engenheiro elétrico norte-americano, desenvolveu um dispositivo capaz de separar doces através de sensores que analisam os espectros de cor de cada bala.

Conforme explica Egenriether em seu canal no YouTube, ele utilizou um sensor RGB para que o mecanismo possa “ler” as cores dos doces, além de fototransistores de LED que realizam leituras em infravermelho para que o alimentador distribua as balas no canal de cor correspondente.

Os sensores enviam ao circuito valores entre 0 e 255 para cada uma das três cores RGB (vermelho, verde e azul), e Egenriether fez uma análise estatística do espectro de cores das balas — neste caso, Skittles —, programando o mecanismo para que este possa escolher a cor certa de cada doce. A maioria dos componentes foi feita em epóxi, peças de um antigo telescópio e PVC, e o funil que recebe as balas foi adaptado de um bebedouro para beija-flores.