Conheça o incrível professor que levou o “Nobel de Ensino” de 2019
956
Compartilhamentos

Conheça o incrível professor que levou o “Nobel de Ensino” de 2019

Último Vídeo

Você provavelmente conhece algumas histórias de professores incríveis que mudaram a vida de seus alunos com sua dedicação. Peter Tabichi, no entanto, é um homem que leva essas histórias um nível acima – tanto que ele acaba de ser premiado em US$ 1 milhão com o Global Teacher Prize de 2019 da Varkey Foundation.

Não é preciso muito para que os motivos de tantos elogios fiquem claros. Para começar, esse padre franciscano é um professor de ciência para alunos da Escola Secundária Keriko. Localizada na vila de Pwani no Vale do Rift de Quênia, estamos falando de uma das regiões mais pobres de um país que está entre os menores em crescimento econômico do mundo.

Isso é só um pedacinho dos problemas enfrentados naquela escola. O colégio inteiro tem um único computador – com péssima conexão de internet –, enquanto os professores ensinam 58 alunos de uma só vez. A vida dos estudantes, por sua vez, é tão difícil quanto possível: além do trajeto de 7km entre suas casas e a escola (que se torna impossível de acessar nas estações de chuva), um em cada três jovens já perderam um de seus pais; muitos deles, inclusive, não têm o que comer.

O que Tabichi faz diante de uma situação como essas? Ele doa nada menos do que 80% de seus ganhos para ajudar seus alunos e tentar melhorar as instalações da escola. Além disso, ele passou a dedicar seu tempo livre para dar aulas particulares aos estudantes com maiores problemas, e até mesmo visita cybercafés para baixar conteúdos e trazer aulas que não se limitam ao quadro-negro.

E não pense que ele parou nisso: Tabichi ajudou a cultivar o interesse de seus alunos em matemáticas e ciência. Como resultado, seu time de estudantes não apenas conseguiu se qualificar para eventos como a International Science and Engineering Fair, nos EUA, como levou um prêmio da Royal Society of Chemistry.

Graças a tudo isso, Tabichi acabou sendo escolhido entre os dez finalistas da premiação. Mas é provável que, para ele, isso seja só uma parte de suas vitórias – afinal, para alguém que prefere usar seus ganhos para ajudar os outros, saber que suas ações resultaram em uma queda de 90% no número de faltas, o dobro de matrículas de alunos nos últimos três anos e até mesmo mais conquistas para suas alunas, que agora estão à frente dos garotos nos testes anuais, é a verdadeira recompensa.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.