Turistas podem visitar sala de controle da Usina de Chernobyl

Turistas podem visitar sala de controle da Usina de Chernobyl

Último Vídeo

Caso ainda esteja escolhendo o destino das férias de fim de ano, o Mega Curioso traz uma dica que tem dado o que falar. A famosa Sala 4, onde controlavam o reator que explodiu em Chernobyl causando o maior acidente nuclear da história, está aberta para a visitação de turistas. E aí, teria coragem de encarar?

De acordo com o canal de notícias americano CNN, a sala está aberta para turistas desde que usem trajes especiais de proteção, capacete e luvas. A visita é guiada, mas depois de terminar o percurso, a pessoa precisa passar por dois exames que medem os níveis de radioatividade para garantir que não haja riscos posteriores à exposição.

Para garantir que nenhum item da sala fosse “levado” como souvenir pelos visitantes, foi feita uma limpa para a retirada de qualquer material fácil de ser carregado. Isso para evitar que qualquer contaminação externa fosse iniciada.

aFonte: Efrem Lukatsky/Getty Images

Catástofre

Em 1986, uma explosão em um dos reatores nucleares da usina de Chernobyl causou o maior acidente nuclear que se tem registro na história. Embora oficialmente 28 mortes em decorrência da explosão tenham sido registradas, acredita-se que o número é milhares de vezes maior, pois as consequências afetaram gerações que nasceram após o acidente.

Mesmo que alguns locais próximos à usina já estejam no roteiro de turistas curiosos, é a primeira vez que uma sala tão perto ao acidente está aberta à população. Estima-se que a radioatividade no local seja 40 mil vezes maior que o normal.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.