(Fonte da imagem: Reprodução/Matt McVeigh)

Como você definiria a escultura acima? Como uma roda gigante diferente, uma montanha-russa maluca ou um trilho de trem que sai do nada e vai a lugar nenhum? Na verdade, a criação do artista australiano Matt McVeigh, batizada de “Trolling”, nos convida a questionar o consumismo indiscriminado através de seu formato infinito.

Matt McVeigh, especializado em artes visuais e projetos comunitários, desenvolveu a estrutura com miniaturas de carrinhos de compras. A peça possui 73 centímetros de altura, 87 de largura e 23 de profundidade, e com ela o australiano explora o real significado do carrinho, refletindo sobre o consumismo sem fim.

Além disso, de acordo com o site do artista, McVeigh faz uma referência à instabilidade da nossa cultura, obstinada em ter cada vez mais, mas para a qual ter “demais” nunca é suficiente.