Homem morre sugado por aparelho de ressonância durante visita a hospital
2.935
Compartilhamentos

Homem morre sugado por aparelho de ressonância durante visita a hospital

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

A morte do jovem Rajesh Maru, que tinha apenas 32 anos de idade, está causando espanto em todo o mundo. Ele foi puxado por uma máquina de ressonância magnética ao entrar em uma sala usando um cilindro de oxigênio em um hospital de Mumbai, no sábado (27) à noite.

De acordo com um relatório da polícia, um médico e outro funcionário do hospital foram presos, acusados de negligência. O primeiro relatório sobre a morte de Maru informava que ele havia morrido em decorrência da inalação de oxigênio líquido que havia vazado do cilindro, mas o cilindro só foi danificado depois de colidir contra a máquina de ressonância magnética.

O diretor do hospital, Ramesh Bharmal, disse que entregou imagens do circuito interno de câmeras à polícia, para que a causa real da morte possa ser apurada.

Tragédia

Jitendra Maru

Jitendra Maru, tio da vítima, relatou que o sobrinho foi convidado a carregar o cilindro por funcionários do hospital, que informaram ao visitante que a máquina de ressonância magnética estava desligada. A família do jovem vai receber 500 mil rúpias, o equivalente a quase R$ 25 mil, como indenização pela morte de Maru.

Aparelhos de ressonância magnética usam um forte campo magnético para produzir imagens dos órgãos do corpo humano. Objetos metálicos são sugados por esse tipo de aparelho, e por isso não podem entrar nas salas onde eles funcionam.

Em Nova Deli, também na Índia, houve um acidente em 2014, quando dois funcionários de um hospital sofreram lesões ao serem atraídos pela máquina de ressonância quando carregavam cilindros de oxigênio. Antes disso, em 2001, um menino de seis anos morreu em Nova York quando um cilindro de oxigênio voou em direção à sua cabeça e esmagou seu crânio.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.