Cadáver intacto de mulher é descoberto no abdome de serpente na Indonésia
1.009
Compartilhamentos

Cadáver intacto de mulher é descoberto no abdome de serpente na Indonésia

Último Vídeo

Caso você não saiba, as pítons são serpentes que podem chegar a medir até oito metros de comprimento, mais ou menos, e pesar perto dos 130 quilos. Elas costumam habitar as florestas e bosques tropicais do Sudeste Asiático e são encontradas com frequência nas Filipinas e nas Ilhas que compõem a Indonésia. Esses animais imensos não são venenosos, mas possuem uma mordida poderosa e capaz de causar sérios e dolorosos ferimentos, e eles matam suas presas por asfixia — antes de as engolirem inteiras.

Píton reticuladaPíton-reticulada (Wikimedia Commons/Kailash kumbhkar)

O normal é que as pítons se alimentem de mamíferos, como roedores e até primatas, e também aves. No entanto, com a redução do habitat natural desses répteis e a proximidade cada vez maior dos humanos nos locais ocupados por essas serpentes, vira e mexe ficamos sabendo de alguma pessoa que teve um infeliz encontro com uma delas. O último caso foi registrado na aldeia de Persiapan Lawela, situada na ilha indonésia de Mun, e terminou com a descoberta do corpo intacto de uma mulher no abdome do animal.

Tragédia

De acordo com o portal de notícias El País, a vítima — de 54 anos de idade — se chamava Wa Tiba, e seu cadáver foi descoberto na última sexta-feira, dia 15. Segundo vizinhos e conhecidos da mulher, ela teria desaparecido por volta das 19 horas de quinta-feira, enquanto trabalhava em uma horta local. A comunidade organizou uma busca e foi então que a serpente foi encontrada — a cerca de 30 metros de um facão, uma lanterna e um par de sandálias que pertenciam à mulher.

Cobra imensaA cobra que devorou Tiba (Suarakpk)

A píton apresentava, também, um grande volume no abdome, que os vizinhos da aldeia deduziram que podia ser o corpo de Tiba. A serpente foi capturada e morta e, quando seu corpo foi aberto, o cadáver da mulher — ainda intacto e completamente vestido —, que parece ter sido engolido a partir da cabeça.

Tiba depois de ser removida do abdome da serpente (Warta Raya)

Segundo o El País, a horta na qual ocorreu o ataque se encontra próxima a uma falésia onde é comum surgirem répteis — entre eles as temidas serpentes. No caso específico dessa que engoliu a pobre mulher, ao que tudo indica, se tratava de uma píton-reticulada (Python reticulatus) com cerca de sete metros de comprimento.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.