5 descobertas recentes sobre armas de combate milenares
77
Compartilhamentos

5 descobertas recentes sobre armas de combate milenares

Último Vídeo

Para lutar suas batalhas, em qualquer época, o ser humano teve que usar muita criatividade e criar as mais diferentes armas. Arqueólogos em campos de pesquisa — e até pessoas normais  se deparam com novos achados. Você já pensou em tropeçar em um artefato milenar enquanto está andando por aí? Se não, comece a pensar, porque isso é bem possível. 

1. A Espada de Saga

Em julho deste ano, Saga Veneck, uma garotinha de 8 anos, nadava em um lago quando encontrou uma espada no sul da Suécia. Seu pai imaginou que fosse apenas um graveto anormal, de tão deteriorada que a peça estava. Pesquisadores do museu local, no condado de Jonkopin, constataram que sua descoberta poderia ter mais de 1,5 mil anos e, provavelmente, foi criada na era pré-viking

2. A Espada de Buzau

Em 2018, um trabalhador de uma pedreira em Buzau, na Romênia, encontrou uma espada entre os escombros do local. Feita na Idade de Bronze, em um molde que criou decorações em sua superfície, datava mais de 3 mil anos. A lâmina, apesar de milenar, estava em boas condições. A relíquia foi imediatamente entregue às autoridades competentes e teria sido uma das descobertas mais notáveis feitas naquela região.

3. Faca de osso africana

Estamos falando de uma ferramenta da Idade da Pedra, na África. Naquela época, ossos eram usados para complementar utensílios de pedra. Arqueólogos encontraram um exemplar próximo à costa de Marrocos, em 2012. A peça aparentava ter impressionantes 90 mil anos! Ferramentas feitas de ossos eram usadas em tarefas mais gerais, ou isso era o que se pensava antes do achado. O exemplar era uma faca específica que, ao contrário das anteriores, provavelmente foi usada para cortar algo macio, como couro.

4. Pontas de lança milenares

Clovis, uma cidade do Novo México, abrigava os mais antigos artefatos dessa categoria — que possuíam de 13 mil a 12,7 mil anos de idade. Contudo, em 2018, arqueólogos encontraram lanças de 15,5 mil anos no Texas. Especialistas especulam que o achado pode ser de sociedades caçadoras pioneiras dos Estados Unidos e, ademais, foram as primeiras ferramentas de caça além das encontradas em Clovis.

5. As frágeis espadas vikings

Você sabia que nem toda espada viking era usada para lutar? Um estudo em 2017 feito com espadas da Dinamarca demonstrou que elas seriam inadequadas para o combate. As lâminas eram constituídas por tiras de aço e ferro dobradas juntas — o que reduzia a absorção de impacto da peça. Além disso, elas foram foram soldadas em altas temperaturas, processo que aumenta a oxidação e diminui o tempo de vida útil. Pesquisadores desconfiam que as relíquias, na verdade, serviam somente de ornamentos para a elite. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.