Conheça a corrida de cavalos mais lenta (e cruel) do mundo

Quando pensamos em corridas de cavalos logo remetamos aqueles glamurosos campeonatos de turfe no Jóqueis Clubes da vida, certo? Cavalos velozes, jóqueis pequenininhos e corridas sendo definidas por “um nariz” – jargão comum entre apreciadores do esporte que indica que a corrida foi acirrada. Porém, esqueça todas essas regras quando ouvir falar da corrida Ban'ei – algo como “corrida de puxar”, em japonês.

Ela é tida como um esporte originário do Japão, mais especificamente na ilha Hokkaido, a segunda maior do país, localizada na região norte. Os participantes dessa corrida – que nem é bem uma “corrida” assim – são cavalos descentedes de ancestrais trazidos da França e da Bélgica no século 19, que foram cruzados e deram origem a uma raça genuinamente japonesa, frequentemente chamada de banba.

Essa raça possui cavalos que chegam a pesar mais de 1 tonelada e possuir mais que o dobro que seus “primos” de corridas de velocidades. Por terem sido criados para ajudar na agricultura no passado, esses cavalos se tornaram extremamente fortes, por isso participam das corridas Ban'ei puxando um trenó que pesa entre 450 e 1 tonelada!

Percurso inclui rampa de areia, exigindo força e resistência dos cavalos

É isso mesmo: muitas vezes, os cavalos puxam imensas carroças com o mesmo peso que eles possuem. E o terreno não ajuda nem um pouco, sendo composto de uma pista de areia com alguns obstáculos, sendo pelo menos duas rampas. Já pensou no esforço que os coitados precisam fazer?

Por conta disso, os jóqueis na verdade atuam como incentivadores dos cavalos, não deixando que eles desistam durante o percurso. Para vencer, é preciso atravessar todo o carrinho com o peso extra pela linha de chegada – diferente da corrida tradicional que basta encostar o focinho (ou nariz, como preferir).

As primeiras corridas datam de 1887, mas se popularizam no século seguinte e atingiram seu ápice no começo dos anos 1990. Depois, com a crise econômica global, caiu no esquecimento até praticamente sumir em 2006. Mais recentemente, em 2012, a corrida Ban'ei foi declarada patrimônio cultural de Hokkaiko, por isso voltou a ganhar os holofotes, crescendo a cada anos desde então.

Ficou curioso? Assista:

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.