Já pensou dormir em um colchão super exclusivo de 390 mil dólares?

Já pensou dormir em um colchão super exclusivo de 390 mil dólares?

Último Vídeo

Todo mundo já viu histórias sobre camas extravagantes de figuras famosas,mas o rapper canadense Drake levou este assunto para um novo nível com seu colchão de US$ 390 mil (cerca de 2,2 milhões de reais).

O item luxuoso chama Grand Vividus, idealizado pelo artista e designer Ferris Rafauli e criado pela fabricante sueca Hästens. O colchão foi apresentado pela primeira vez quando a revista Architectural Digest fez uma matéria sobre a imensa mansão de Drake em Toronto e, apesar de todas as comodidades legais apresentadas, o colchão oficialmente roubou a cena.

Pelo preço já podemos imaginar que não é uma peça comum, mas sim feita à mão, com sua cor preta ajudando a destacar os detalhes em latão e cantos de couro desfiado. Além disso, seu peso também é surpreendente, chegando a meia tonelada.

Mas por que tão caro? Bom, aparentemente a quantidade de crina utilizada - sim, crina de cavalo, você não leu errado - é o dobro da utilizada no segundo colchão mais caro da fabricante sueca, o Vividus Classic, que custa US$ 190 mil (um pouco mais do que 1 milhão de reais).

Mas o preço elevado do artigo de luxo não vem só da crina de cavalo, o Grand Vividus tem consideravelmente mais molas, o que serve para aprimorar a sensação de estar flutuando ao se deitar no colchão. Isso dobra o trabalho dos especialistas na área, sendo preciso 600 horas de produção para uma única peça. Além disso, apenas 12 exemplares são produzidos por ano, e este tipo de exclusividade sempre aumenta os valores.

Ver essa foto no Instagram

A majestic centerpiece for the bedroom. hastens.com/gv #hastens #hästens #ferrisrafauli @ferrisrafauli

Uma publicação compartilhada por  Hästens Beds Official (@hastensbeds) em

Pagar o preço de uma casa em um colchão pode parecer estranho para muitas pessoas, mas Linus Adolfsson, que administra o Hästens Sleep Spa e as três lojas Hästens em Los Angeles, explicou que faz parte de uma personificação da filosofia sueca sobre o sono.

“Na Suécia, dormir não é apenas dormir, é cuidar de si. Seu colchão deve ser a peça de mobiliário mais importante na sua casa. Na Suécia, se seu sofá custa mais que seu colchão, as pessoas não entenderão. Temos uma atitude completamente diferente em relação ao sono.Não sou de uma família rica, mas meu colchão custa mais do que o carro da minha família.Meus pais sabiam que era importante me dar o melhor sono possível”, explicou Adolfsson.

Por mais que o discurso do empresário faça sentido, acho que só pagaria tudo isso em um colchão se viesse com uma casa junto. Mas também, o Grand Vividus com certeza não foi feito para meros mortais como nós.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.