Fuligem em São Paulo: queimada espalha cinzas por bairros da cidade

Durante a tarde deste domingo (22), diversos relatos de queda de fuligem na cidade de São Paulo tomaram as redes sociais. Segundo informou o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura de São Paulo, isso é resultado de uma queimada que vem acontecendo desde sábado (21) no Parque Estadual do Juquery, no município de Franco da Rocha, que faz parte da Grande São Paulo.

Devido à proximidade e a direção do vento, as partículas de fuligem atingiram principalmente bairros da região Norte de São Paulo, mas os relatos chegam de todas as áreas da cidade, incluindo zona Sul. Nas fotos, é possível ver a fuligem nos quintais e até dentro das casas de moradores.

O calor do final de semana aliado ao tempo seco ajudou o fogo a se espalhar pelo Parque Estadual. Até o momento desta publicação, ainda não há uma estimativa do tamanho da área atingida pelo incêndio.  São Paulo e região sofrem com a baixa umidade, com índices muitas vezes menores que 25% — lembrando que o ideal, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, é um mínimo de 60% de umidade relativa do ar.

Além da fuligem, o tempo aberto registrado na cidade — que teve temperaturas acima de 30 °C — já é afetado pela fumaça proveniente do incêndio, como também foi relatado por diversos usuários das redes sociais.

Como enfrentar a baixa umidade do ar?

Para amenizar os efeitos do tempo seco, é recomendado seguir algumas dicas importantes:

  • Mantenha-se sempre hidratado, consumindo bastante líquido — de preferência, água;
  • Consuma alimentos saudáveis, evitando muito sal, gordura e condimentos;
  • Tente umidificar o ambiente espalhando por ele recipientes com água ou posicionando toalhas molhadas;
  • Evite ao máximo ficar exposto diretamente ao sol. Caso seja inevitável, cubra ao máximo pele ou use protetor solar adequado;
  • Aproveite para ficar em ambientes arejados.
Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.