(Fonte da imagem: Reprodução/BuzzFeed)

Embora a neve seja um fenômeno meteorológico bastante raro aqui no Brasil, você já deve ter visto inúmeras imagens de flocos de neve e, inclusive, ter ouvido falar que nunca um desses cristais será igual ao outro.

E, de acordo com uma notícia publicada pelo The Huffington Post, pesquisadores do Beltsville Agricultural Research Centre de Maryland, nos Estados Unidos, decidiram observar vários flocos de neve através de um microscópio eletrônico, descobrindo formas incríveis que parecem confirmar que realmente cada cristal é único.

Os flocos foram coletados através de lâminas de cobre contendo uma solução resfriada de metilcelulose, capaz de evitar que os cristais se desmanchassem. Depois, as amostras foram mergulhadas em um reservatório contendo nitrogênio líquido, fazendo com que os flocos “grudassem” nas lâminas a uma temperatura de 196 graus Célsius negativos.

As amostras foram então observadas através de um microscópio eletrônico, e as imagens obtidas você pode conferir na galeria abaixo:

Fontes: The Huffington Post e BuzzFeed