Em experimento médico dos anos 50, artista fez ilustrações após tomar LSD
215
Compartilhamentos

Em experimento médico dos anos 50, artista fez ilustrações após tomar LSD

Último Vídeo

O governo dos EUA costumava realizar alguns experimentos bizarros com drogas há algumas décadas, e uma das experiências, que aconteceu na década de 1950, foi feita com a intenção de descobrir como o LSD afetava a expressão artística.

O teste que você vai conhecer a seguir foi conduzido pelo psiquiatra Oscar Janiger, da Universidade da Califórnia, que ficou conhecido por seus estudos sobre o ácido lisérgico.

Basicamente, ele pediu a um artista que usasse a droga e que, de tempos em tempos, fizesse uma ilustração que mostrasse como estava sendo a experiência. As nove imagens a seguir mostram as versões feitas pelo artista, na medida em que sua percepção vai ficando mais e mais alterada. Confira:

1 – Depois de 20 minutos da primeira dose de LSD

Aqui, o artista desenha normalmente, sem sentir qualquer efeito da droga.

2 – Aqui, temos um desenho feito 85 minutos após a primeira dose e 20 minutos após a administração de uma segunda dose

O artista se sente eufórico e, de acordo com Janiger, parece ter dificuldades para controlar as mãos.

3 – Duas horas e 30 minutos após tomar a primeira dose

O artista agora está focado no desenho que faz. Ele relata sentir sua consciência focada apenas na sua mão, no cotovelo e em sua língua.

4 – Duas horas e 35 minutos após a primeira dose

Aqui o artista critica seu desenho e diz que vai tentar de novo.

5 – Tempo: 2 horas e 35 minutos depois da primeira dose

Esse outro desenho é feito rapidamente. O artista começa a rir e se assusta com algo que vê no chão.

6 – Tempo: 2 horas e 45 minutos depois da primeira dose

O artista está agitado e tenta subir em uma caixa. Depois de lembrado pelo médico de sua tarefa, volta lentamente a desenhar e mal consegue se comunicar verbalmente.

7 – Quatro horas e 25 minutos depois da primeira dose

Depois do sexto desenho, o artista passou duas horas deitado, mexendo as mãos no ar. Seu retorno à atividade é repentino, e ele diz que esse será seu melhor desenho. Ele afirma que, se não tomar cuidado, perderá o controle de seus movimentos.

8 – Tempo: 5 horas e 45 minutos após a primeira dose

O artista se movimenta pela sala e demora mais de uma hora para voltar a fazer outro desenho. Ele diz que voltou a sentir os joelhos, que estavam começando a desaparecer. Afirma também que o lápis é muito difícil de segurar.

9 – Oito horas após a primeira dose

O artista fica sentado e relata que o efeito acabou, exceto pelo fato de que ainda vê rostos distorcidos. O desenho final é feito com pouco entusiasmo e ele afirma não ter nada a dizer sobre ele, que considera ter ficado ruim e desinteressante. “Quero ir para casa agora”, finaliza.

***

Você sabia que o Mega Curioso também está no Instagram? Clique aqui para nos seguir e ficar por dentro de curiosidades exclusivas!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.