Restaurante mais exclusivo dos EUA tem fila de espera de 5 anos
413
Compartilhamentos

Restaurante mais exclusivo dos EUA tem fila de espera de 5 anos

Último Vídeo

Caso você seja do tipo impaciente, desses que detestam ficar esperando para conseguir uma mesa quando sai para jantar, já imaginou ter que aguardar vários meses para poder provar a comida de um restaurante específico? Então, saiba que existem muitas pessoas dispostas a fazer mais do que isso, pois esperam cinco anos — isso mesmo, 5! — para saborear as comidinhas servidas no “The Basement Bistro”, o restaurante mais exclusivo dos EUA.

Fonte da imagem: Reprodução/Oddity Central

Segundo o Bloomberg Businessweek, Damon Baehrel, o dono do local, é quem cultiva, cria, cozinha e serve tudo o se oferece no restaurante, e é ele também o encarregado por administrar, limpar e divulgar o local. O The Basement Bistro fica em uma propriedade rural de 12 acres — mais precisamente, no porão da residência principal — localizada em Earlton, que fica a aproximadamente três horas de carro de Manhattan, em Nova York.

Ingredientes inusitados

Fonte da imagem: Reprodução/Bloomberg Businessweek

O restaurante está focado unicamente na gastronomia molecular e comporta apenas 18 comensais, que saboreiam um total de 15 pratos de degustação preparados por Baehrel. Absolutamente tudo o que é servido foi elaborado a partir de itens que o cozinheiro colheu, desidratou, infundiu e coloriu, e entre alguns dos ingredientes interessantes que podem ser encontrados na cozinha do local são folhas de bordo em conserva e samambaia em pó.

Fonte da imagem: Reprodução/Bloomberg Businessweek

Já entre os pratos servidos, há um gelado feito de folhas de sumagre macerado com hastes de violetas selvagens e uma variedade de uvas frescas que serve para limpar o paladar. Outro item do cardápio é uma espécie de sorvete que demora um ano para ficar pronto, feito à base de bolotas, aquelas nozes que o esquilo de “A Era do Gelo” carrega para lá e para cá, lembra?

Cozinha criativa

Fonte da imagem: Reprodução/Bloomberg Businessweek

As bolotas ficam submersas em um riacho durante meses e, então, são desidratadas e transformadas em um pó com o qual Baehrel elabora um cone que é servido com creme de berinjela congelada. O mais curioso é que o cozinheiro afirma nunca ter recebido qualquer treinamento formal nem ter aberto um livro de receitas sequer na vida.

Fonte da imagem: Reprodução/Bloomberg Businessweek

Na verdade, Baehrel foi piloto de motocross no passado, mas, após sofrer uma lesão, decidiu mudar de profissão. Segundo contou, ele aprendeu a cozinhar com a mãe e em restaurantes espalhados pela região nordeste dos EUA, e a inspiração para desenvolver suas receitas estranhas veio da natureza.

Apesar das esquisitices do menu, há uma longa lista de espera para conseguir uma mesa, e o jantar sai pela bagatela de US$ 255 (cerca de R$ 600), sem incluir o vinho e a taxa de serviço. E olha que as reservas só podem ser feitas através de email! Aliás, se você ficou interessado em tentar conseguir uma mesa no The Basement Bistro, sentimos informar que talvez seja tarde demais, pois Baehrel decidiu que vai se aposentar e não está mais aceitando reservas para depois de 2018.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.