Gripe aviária: H7N9 é uma das variantes mais letais do vírus
59
Compartilhamentos

Gripe aviária: H7N9 é uma das variantes mais letais do vírus

Último Vídeo

A nova variante do vírus da gripe aviária, batizada de H7N9 e que tem feito diversas vítimas na China continental, já está sendo considerada pelo oficial da Organização Mundial de Saúde (OMS) Keiji Fukuda como “um dos vírus de gripe mais letais que já encontramos”. Cientistas que analisaram a sequência genética das amostras do vírus encontradas em vítimas declararam recentemente que o H7N9 possui uma mistura de genes de outras três variantes da gripe aviária.

Curiosamente, a notícia se espalhou pela internet no mesmo dia em que foi identificado o primeiro caso de H7N9 fora da China continental, que já conta com 108 casos desde o fim de março. O homem infectado pelo vírus está sendo tratado em um hospital de Taiwan desde que voltou de uma viagem de negócios.

Por enquanto, ainda existem muitas dúvidas para a OMS responder sobre o H7N9, sendo que a principal é a possibilidade de haver ou não contaminação entre humanos. A princípio, esse tipo de gripe é transmitido das aves para as pessoas, mas há muitos relatos de indivíduos infectados que não estiveram em contato com esse tipo de animal. Como se não bastasse, as aves infectadas não apresentam sintomas físicos de que estão doentes, tornando mais difícil a identificação desse tipo de problema em uma granja, por exemplo.

Agora, a organização tenta identificar a fonte desse vírus para contê-lo, mas alerta que, independentemente de quão rápido isso aconteça, mais casos de pessoas infectadas pelo H7N9 ainda devem surgir.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.