Dormir pouco ou acordar de hora em hora: o que é pior para o humor?
271
Compartilhamentos

Dormir pouco ou acordar de hora em hora: o que é pior para o humor?

Último Vídeo

Quanto mais moderna fica a humanidade, menos se consegue dormir. Influenciados por estímulos externos a todo o momento, trocamos, sem perceber, minutos de descanso por momentos a mais na companhia de smartphones, tablets, computadores e afins.

Quem sente que dorme pouco geralmente se encaixa em uma destas duas situações: vai para cama tarde e acorda muito cedo ou até fica mais tempo na cama, mas desperta do sono de tempos em tempos. Qual desses dois perfis de maus dormidores, afinal, é o mais prejudicial para a saúde e para o bom humor?

Recentemente a colunista Alice Park, da revista Time, falou sobre esse mesmo assunto ao abordar os resultados de uma pesquisa nova, conduzida por Patrick Finan, professor de Psiquiatria e Ciências Comportamentais na Johns Hopkins University Scholl of Medicine.

Finan e seus colegas conduziram um estudo pioneiro no que diz respeito à comparação entre o sono curto e o sono interrompido. Para isso, a equipe contou com a ajuda de 62 participantes, mulheres e homens, que se consideram bons dormidores. Toda essa gente passou três dias dormindo em um laboratório de sono, respondendo a perguntas sobre humor sempre antes de pegar no sono.

Enquanto dormiam, os participantes tinham seus estágios de sono medidos pelos pesquisadores – dessa forma, seria possível estabelecer a intensidade de sono de cada voluntário. Um terço das pessoas era acordado em diversos momentos aleatórios durante a noite; outro terço só poderia dormir quando já estivesse bastante tarde, mas não eram acordados durante a noite; o último terço tinha permissão para dormir sem interrupções ou horários marcados.

Depois da experiência, os pesquisadores compararam as respostas sobre o humor de cada participante. Tanto aqueles que tiveram o sono interrompido quanto os que dormiram pouco sentiram seus níveis de humor diminuídos depois do primeiro dia da experiência. Nas noites seguintes, no entanto, aqueles que tinham o sono interrompido continuaram a demonstrar uma queda de humor, enquanto aqueles que dormiram por menos tempo não. Finan acredita que ter o sono interrompido diversas vezes é o que nos deixa mais mal-humorados.

Os pesquisadores também analisaram as atividades cerebrais dos participantes. Aqueles que foram acordados diversas vezes tiveram ondas lentas de sono com menos intensidade – são essas ondas que determinam a intensidade de descanso durante o sono. “Nós vimos uma queda grande e repentina nas ondas lentas de sono, e isso é associado a uma queda considerável de humor positivo”, explica o pesquisador.

Esse tipo de estudo tem uma importância significativa no que diz respeito a outras pesquisas que envolvem humor, estresse e depressão, que são áreas que podem ter relação com a qualidade de sono do indivíduo. A baixa qualidade de sono já tinha sido relacionada anteriormente a casos de depressão, mas Finan acredita que é preciso ir mais a fundo nessa questão, a fim de descobrir qual dos dois tipos de sono ruim afeta mais o nosso humor.

Por enquanto, o que o cientista acredita ter descoberto é que a perda das ondas lentas de sono está diretamente relacionada com a habilidade de recuperar ou estabilizar emoções positivas em resposta às estressantes. Finan nos aconselha, portanto, a não apenas prestarmos atenção na quantidade ou na qualidade do nosso sono, mas nos dois fatores combinados.

“Não é novidade que problemas de sono alteram o humor das pessoas, mas a granularidade que medimos aqui lança uma nova luz sobre essa relação”, conclui ele.

Vale ressaltar que não se deve associar excesso de sono a um humor melhor. Nesta publicação, explicamos qual é a quantidade de sono ideal para cada faixa etária e aqui ensinamos uma técnica de respiração que promete ajudar você a pegar no sono rapidinho. De qualquer forma, se a dificuldade para dormir estiver atrapalhando a sua vida, o ideal é buscar ajuda médica.

Você acha que as pessoas deveriam dormir mais ou menos de 8 horas por noite? Comente no Fórum do Mega Curioso

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.