(Fonte da imagem: Reprodução/Stefano Boeri)

Stefano Boeri, um conceituado arquiteto italiano, apresentou o projeto da primeira floresta vertical do mundo. Batizada de Bosco Verticali, ela será construída no centro da cidade de Milão, na Itália, como forma de contribuir para a regeneração do meio ambiente e da biodiversidade urbana.

O projeto visa a construção de duas torres residenciais, com 110 e 76 metros de altura, respectivamente. As estruturas contarão com 900 árvores — com alturas de 3, 6 e 9 metros —, além de arbustos e outras plantas florais. Caso fosse distribuída em uma área plana, essa quantidade de vegetação corresponderia a 10 mil metros quadrados de área verde.

Microclima urbano

De acordo com Boeri, a floresta vertical servirá para absorver o CO2 e filtrar as partículas de poeira presentes no ar. Além disso, as plantas criarão um microclima, com temperaturas mais amenas tanto no inverno como no verão, além de diminuir a poluição acústica e a incidência de radiação solar.

O sistema de irrigação reaproveitará a água utilizada pelos apartamentos, e as torres contarão com sistemas de produção de energia eólica e fotovoltaica para diminuir os impactos ao meio ambiente.

Fonte: Stefano Boeri