04
Compartilhamentos

Jim Sullivan: o mistério do cantor supostamente abduzido

Em 1969, o cantor e compositor James Anthony Sullivan, conhecido apenas como Jim Sullivan, lançou o seu primeiro álbum de estúdio intitulado U.F.O, no estilo folk psicodélico. O disco abordava temas sobrenaturais sobre extraterrestres, com flertes obscuros sobre abdução e vida em outros sistemas planetários.

Sullivan fez alguns shows em Malibu, porém não passou disso. Apesar de ser conhecido por algumas celebridades, a fama apenas o iludiu e ele não conseguiu chegar a muitos lugares – pelo menos não vivo.

O sumiço

(Fonte: Pinterest/Reprodução)(Fonte: Pinterest/Reprodução)

Em 4 de março de 1975, Sullivan saiu de Los Angeles sozinho e dirigiu em direção à Nashville a bordo de seu Fusca. Ele se hospedou no La Mesa Motel, em Santa Rosa, Novo México, e alguns documentos apontam que ele não dormiu lá, apenas deixou a chave dentro do quarto em vez de entregá-la na recepção.

No dia seguinte, testemunhas o viram a 42 quilômetros de distância, em um rancho remoto, propriedade da família Gennitti. A última vez que foi visto, Sullivan estava se afastando de seu carro, que foi abandonado no rancho. Dentro dele, havia papeis, uma guitarra, roupas, dinheiro e uma caixa com seus discos não vendidos.

A partir daquele dia, o cantor de 34 anos nunca mais foi encontrado. As equipes de busca não localizaram nenhum vestígio dele, e muitos especularam que ele poderia ter sido assassinado ou se perdido.

(Fonte: Agente Provocador/Reprodução)(Fonte: Agente Provocador/Reprodução)

A natureza misteriosa de seu desaparecimento foi ampliada quando pessoas passaram a dissecar as letras de seu álbum U.F.O, que falavam sobre deixar a família para trás e ser abduzido por alienígenas no deserto. O público e a mídia logo passou a atribuir o seu sumiço a um desejo concebido, sem que ele pudesse imaginar, ainda mais em uma época em que os fenômenos extraterrestres haviam se tornado motivo de notícia recorrente.

“Com ou sem desaparecimento, há algo nessas letras que é incrivelmente misterioso e assustador”, disse Matt Sullivan, que fundou a gravadora Light in the Attic Records só para poder publicar a obra de Sullivan, após ficar obcecado com o caso. “Uma coisa que um dos amigos de Jim apontou foi que ele deixou sua guitarra no carro. Se Jim quisesse sumir, essa seria a única coisa que ele teria levado".

Seja como for, o que aconteceu com Jim Sullivan entrou para o imaginário popular da maneira mais bizarra o possível.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.