Confira os benefícios da gema de ovo para a saúde
Seja o primeiro a compartilhar

Confira os benefícios da gema de ovo para a saúde

Equipe MegaCurioso

Crédito: Thinkstock

Se você tem colesterol alto, quantas vezes já ouviu dos nutricionistas e médicos para ficar longe da gema de ovo e consumir só a clara? Pois ela, que antes era dada como vilã pelos especialistas, ganhou a sua redenção em pesquisas recentes, que mostraram que os níveis de colesterol LDL contido nela pertencem a uma medida diferente das taxas do sangue, não influenciando no aumento do fator maléfico ao coração.

Segundo um estudo norte-americano recente divulgado no The Huffignton Post, o consumo de ovos não teve efeito sobre os níveis de colesterol total no sangue de 115 adultos saudáveis. Além disso, outra pesquisa encontrou indícios de que comer com moderação ovos inteiros (clara e gema) aumenta o HDL (o colesterol bom e protetor do coração).

Leia também:

Drew Ramsey, professor de psiquiatria na Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, que estuda a relação entre comportamentos de vida, como dieta e saúde psicológica, afirmou: "Há problemas muito maiores na dieta americana do que o colesterol. Todo mundo está de acordo que o verdadeiro problema com diabetes e obesidade é comer muita comida processada".

Com o sinal verde para o consumo da gema do ovo, vale destacar as suas propriedades benéficas. A gema é uma das mais ricas fontes alimentares da colina, uma substância derivada de um aminoácido denominado serina (que faz parte do complexo B e está associada à sensação de bem-estar e felicidade).

A colina contida no ovo também está relacionada à melhor função neurológica e redução da inflamação, sendo que também há evidências de que este nutriente é excelente para a dieta das gestantes, pois contribui para o desenvolvimento cerebral do feto. As gemas também contêm dois carotenóides, sendo eles a luteína e a zeaxantina, que protegem a visão.

Crédito: Thinkstock

Os ovos também são ricos em enxofre, um nutriente essencial que contribui para a absorção de vitamina B para a função hepática. Além disso, a substância ainda é essencial para a produção de colágeno e queratina, que ajudam a manter o cabelo brilhante, unhas fortes e pele viçosa.

Vale lembrar que todos esses benefícios da gema não tiram todas as qualidades das claras, que têm baixas calorias e teor de gordura, sendo fontes perfeitas de proteínas. Entretanto, juntas elas são consideradas o “padrão ouro” proteico, sendo os seus aminoácidos os mais digeríveis para os seres humanos.

Porém, não é indicado exagerar, pois os especialistas recomendam que o consumo seja de, no máximo, quatro ovos por semana. E, na hora do preparo, faça receitas que usem pouca ou nenhuma gordura, preferindo consumi-los cozidos, poché ou em omeletes com legumes.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.