Estrela pornô teme que seus implantes acabem com a sua vida
844
Compartilhamentos

Estrela pornô teme que seus implantes acabem com a sua vida

Último Vídeo

A estrela de cinema pornô Elizabeth Starr, de 44 anos, carrega dois enormes problemas que podem levá-la à morte. De acordo com o site do Mirror, a atriz de filmes adultos fez um procedimento proibido para garantir seios maiores há 15 anos e agora ela corre risco de morrer pelas complicações que ele está causando.

Os implantes ilegais que ela colocou na época são do tipo String, que vão aumentando com o tempo devido à absorção dos fluidos corporais. Segundo o que declarou ao site do Mirror, ela se submeteu ao procedimento com o implante ilegal para impulsionar a sua carreira (o que de fato aconteceu), mas agora admite que a sua vida foi arruinada pelos seus peitos superdimensionados.

Polipropileno

Fonte da imagem: Reprodução/Mirror

O grande problema desses implantes String é que eles são feitos de polipropileno, material que absorve água e fluídos corporais, fazendo com que os seios se expandam continuamente e levando a tamanhos extremos mesmo depois de muito tempo de realização da cirurgia. Com isso, eles são enredados pelo tecido mamário, tornando ainda mais difícil a sua retirada. Muitas atrizes de filmes adultos recorrem a essa opção para turbinar a comissão de frente, mas ela já é proibida na Europa e nos Estados Unidos.

Esses implantes também podem causar necrose dos tecidos, embolia, infecção e septicemia. No caso de Elizabeth, os médicos dizem que os enormes seios da mulher poderiam levar à formação de coágulos e infecções sérias.

Segundo eles, a única maneira de salvar a sua vida é com a realização de uma dupla mastectomia para remover os seios. Porém, ela diz que não pode enfrentar mais uma cirurgia, pois acredita que não irá resistir depois de tantos procedimentos anteriores.

Bomba-relógio

Fonte da imagem: Reprodução/Mirror

Ela afirmou que os problemas com o implante já começaram dias depois da cirurgia e que tem passado por dores e complicações desde então. O String da mama direita já foi retirado há algum tempo, mas deixou resíduos que estão causando infecções. Por isso, a maior parte das cirurgias que ela já fez foi para corrigir esse problema.

Já no seio esquerdo, os médicos concluíram que o implante está muito encaixado, sendo impossível retirá-lo para substituir por outro. A única solução mesmo é a mastectomia, que remove a cápsula e todo o tecido mamário.

"Ao longo dos anos eu tive vários implantes colocados e retirados para deixar o meu seio direito do mesmo tamanho que o esquerdo. Só que o tecido do direito ficou tão danificado que não havia quase nada. Uma operação foi necessária para retirar um músculo das minhas costas para substituir tecidos danificados no meu seio direito”, disse ela ao The Huffington Post.

Agora Elizabeth tem um implante de solução salina contendo quatro litros de líquido em seu seio direito. Mas o risco de complicações posteriores lança uma sombra sobre a sua saúde futura. "Não há tecido cicatrizado em meus seios e isso está afetando o fluxo de sangue para o corpo, podendo causar um coágulo fatal. Eu sou uma bomba-relógio e estou com muito medo", disse ela.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.