Divulgado novo mapa vegetativo do nosso planeta, em alta definição
119
Compartilhamentos

Divulgado novo mapa vegetativo do nosso planeta, em alta definição

Último Vídeo

Como você já deve ter percebido, o Mega Curioso gosta de publicar novidades vindas da NASA, e a justificativa para isso é bem óbvia: aqueles caras conseguem informações e imagens incríveis que nos ajudam a entender melhor a vida, o Universo e tudo mais. A novidade agora é por conta do satélite Suomi, que capturou imagens da vegetação do nosso planeta.

Ao contrário do que você está acostumado a ver, essas imagens mostram apenas a vegetação, sem mares e nuvens — tudo isso em uma resolução alta, como nunca anteriormente. Para captar essa imagem, o satélite mediu a quantidade de luz refletida na superfície do nosso planeta e conseguiu, então, fazer o mapeamento da vegetação presente aqui.

Monitoramento

Fonte da imagem: Reprodução/NewScientist

Essa relação com a quantidade de luz se dá por conta da fotossíntese, meio pelo qual as plantas adquirem energia para o seu crescimento. As folhas, por sua vez, têm a capacidade de refletir luz infravermelha, então as vegetações ficam mais visíveis nesse sistema de observação do que desertos e superfícies áridas, por exemplo. Por isso foi possível realizar esse rastreamento.

O mapa apanhou as imagens com uma resolução de 500 metros por pixel, trabalho resultante da captura de 300 megabytes de dados por minuto durante uma semana. Depois, softwares analisaram cada ponto de luz a fim de encontrar os mais claros e poder fazer o mapeamento.

Comparando os mosaicos produzidos semanalmente, cientistas já podem acompanhar melhor as mudanças na vegetação do nosso planeta. Esse tipo de monitoramento pode alertar sobre possíveis ameaças de incêndios florestais, surtos de seca e inclusive de malária, já que essa doença tem como fator de aparecimento o aumento da vegetação em regiões da África subsaariana. E aí, o que você achou dessa novidade?

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.