Como uma corrente de bolinhas de metal pode flutuar? [vídeo]
97
Compartilhamentos

Como uma corrente de bolinhas de metal pode flutuar? [vídeo]

Último Vídeo

Tem alguns vídeos por aí que mais parecem bruxaria e fazem o maior sucesso justamente por esse fator enigmático. Porém, um dos grandes prazeres do Mega Curioso é explicar o inexplicável e ajudar você a ficar mais espertinho. Por isso, antes de qualquer coisa, você vai precisar assistir ao vídeo abaixo, caso ainda não o tenha visto:

Esse experimento não é algum tipo de truque de ilusionismo. As bolinhas realmente fazem esses movimentos bizarros e o próximo vídeo explica os motivos. O problema é que ele está em inglês e sem legendas, mas nós vamos explicar para você como é que essas bolinhas de metal se comportam dessa maneira.

De acordo com Steve Mould, o cara que você viu no vídeo acima desafiando a gravidade, a questão das bolinhas é bastante simples. Ele explica que elas precisam estar em uma corda, exatamente como você vê, e dentro de um recipiente. A partir do momento em que você puxa uma das pontas da corda para fora, a massa das bolinhas vai fazer com que a corda tenha um impulso forte o suficiente para atingir certa altura antes de obedecer à lei da gravidade.

Durante esse processo, algumas ondas se formam ao longo da corrente e a ajudam a fazer essa parábola, que você pode ver no segundo vídeo com alguns trechos em slow motion. Mould explica também que, quanto mais alto estiver o recipiente, maior será a parábola formada. Esse truque pode ser facilmente feito em casa, sem maiores perigos, contanto que você tenha uma corrente formada com 8 mil bolinhas de metal. Se por acaso você chegar a fazer essa experiência, depois nos conte como foi.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.