Cuidado com o efeito rebote

04/08/2011 às 10:342 min de leitura


Você já deve ter passado por isso: depois de meses passando fome em dietas de restrição de carboidratos, por exemplo, você consegue emagrecer bastante e logo depois recupera tudo num toque mágica! E o pior, acaba engordando até mais. Casos como esses acontecem com homens e mulheres de diversas idades, pesos e faixas etárias.

A falta de acompanhamento médico e nutricional pode acarretar inevitavelmente em dietas malsucedidas. Muita gente ainda insiste em acompanhar os regimes da moda com fundamentos malucos e que prometem efeitos rápidos, incluindo fórmulas mágicas e remédios, mesmo sabendo que a única e correta solução é a reeducação alimentar.

As dietas radicais são contraproducentes, ou seja, acabam resultando no efeito contrário ao qual desejamos: você pode até emagrecer, mas o peso volta novamente causando desânimo e até quadros de transtornos alimentares de compulsão ou anorexia. O que fazer então para ter sucesso para a perda de peso? O correto é ter um bom acompanhamento médico, com endocrinologista e nutricionistas que saberão avaliar o seu caso, indicar uma dieta e, dependendo do caso, como distúrbios da tireoide, receitar medicações para o controle hormonal.


Ao fazer um regime, é importante traçar uma meta real que possa ser alcançada com tranquilidade e de forma saudável. Incluir frutas, verduras e legumes em todas as refeições também contribui intensamente para um bom emagrecimento e para suprir a carência de fibras e vitaminas. A reeducação alimentar é o ponto mais importante e, uma vez perpetuado no dia a dia, é levado para a vida toda, fazendo a pessoa emagrecer gradualmente, com saúde e sem voltar a ganhar peso novamente. Confira abaixo as metas da reeducação alimentar elaboradas pelo Centro de Referência em Nutrição da Universidade de São Paulo (USP).

  1. Faça de 5 a 6 refeições por dia;
  2. Frutas na sobremesa e nos lanches;
  3. Coma verduras e legumes no almoço e no jantar;
  4. A porção de carne deve ser do tamanho da palma da mão;
  5. Troque a gordura animal por vegetal e consuma com moderação;
  6. Modere nos açúcares e nos doces;
  7. Diminua o sal e os alimentos ricos em sódio;
  8. Consuma leite ou derivados na quantidade recomendada;
  9. Consuma pelo menos uma porção de cereal integral;
  10. Coma uma porção de leguminosas por dia;
  11. Reduza o álcool. Evite o consumo diário;
  12. Beba no mínimo 2 litros de água por dia;
  13. Faça pelo menos 30 minutos de atividade física todos os dias;
  14. Aprecie sua refeição. Coma devagar.

Fonte
Imagem

Últimas novidades em Saúde/bem-estar

NOSSOS SITES

  • TecMundo
  • TecMundo
  • TecMundo
  • TecMundo
  • Logo Mega Curioso
  • Logo Baixaki
  • Logo Click Jogos
  • Logo TecMundo

Pesquisas anteriores: