Stanley Thornton, um norte-americano de 30 anos de idade, leva uma vida dupla. Embora pareça um rapaz completamente normal quando deixa a sua casa, das portas para dentro, ele se comporta como se fosse um bebê. Confira o vídeo abaixo:

De acordo com o programa Tabu: Infantilismo, apresentado pelo canal NatGeo, Thornton sofre de uma condição chamada infantilismo, que não tem nenhuma relação com fetiches sexuais ou pedofilia. Pessoas com esse tipo de transtorno simplesmente mostram desejo de usar fraldas e de serem tratadas como bebês.

Bebê chorão

De fato, o rapaz escolheu viver como um bebê como uma forma de lidar com um trauma sofrido quando ele era mais jovem. Thornton possui em sua casa um berço, chiqueirinho e até uma cadeirinha infantil, tudo feito sob medida para aguentar o peso de uma pessoa adulta. Além disso, ele contratou uma enfermeira, que se comporta como sua mãe e o alimenta com uma mamadeira.

Thornton passa os seus dias brincando com LEGO enquanto chupa chupeta e engatinha pelo chão, e insiste que não sente nenhum tipo de satisfação sexual com seu comportamento, mas sim uma espécie de conforto. De acordo com o rapaz, a transformação o ajuda a deixar todas as preocupações da vida adulta de lado e a relaxar como um bebê.