5 casos absurdos envolvendo pessoas que usaram esteroides
1.555
Compartilhamentos

5 casos absurdos envolvendo pessoas que usaram esteroides

Último Vídeo

Por mais que suas preocupações não incluam um ideal de beleza bem diferente do seu atual, você sabe que muita gente por aí pega pesado para alcançar um nível de beleza considerado perfeito. Mas será que vale tudo mesmo quando o assunto é a estética? Como fica a saúde em casos de pessoas que ingerem fórmulas à base de anabolizantes e esteroides? Confira a seguir alguns casos de gente que exagerou no uso dessas substâncias e se deu mal:

1 – Transformação errada

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Candice Armstrong, uma garçonete inglesa de 28 anos, queria ter o corpo mais bem definido, mas acabou fazendo uso de esteroides, o que, como consequência, deu a ela uma aparência supermasculina. A moça, que já teve traços mais delicados, hoje é dona de um corpo extremamente forte e com excesso de espinhas e pelos em diversas regiões, incluindo o rosto.

Além disso, o clitóris de Candice inchou tanto que ele é quase um pequeno pênis atualmente.

2 – Demência, assassinato e suicídio

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

O canadense Christopher Michael Benoit era um lutador profissional de luta livre, sendo campeão mundial duas vezes e tendo vencido a categoria peso pesado mundial. Benoit tinha fãs no mundo inteiro e era conhecido como um dos melhores lutadores de todos os tempos.

Apesar de todo esse sucesso, Benoit não teve um final feliz e, em junho de 2007, matou sua esposa e seu filho de sete anos. Em sequência, ele cometeu suicídio com um dos equipamentos de sua academia.

Exames toxicológicos revelaram que a esposa do lutador tinha três drogas diferentes em seu organismo no momento da morte, mas em níveis terapêuticos e não tóxicos. O filho do casal tinha vestígios de um medicamento sedativo, que possivelmente teria feito o menino dormir antes de ser estrangulado pelo pai.

Já o lutador tinha vestígios de medicamentos psicoativos e altos níveis de testosterona, causados pelo uso de hormônios sintéticos. De acordo com os médicos, esses altos níveis podem ser atribuídos ao fato de que o lutador fazia um tratamento para controlar danos causados pelo uso de esteroides.

O cérebro de Benoit foi examinado e o resultado foi chocante: de acordo com a equipe de neurologia responsável pelo laudo, o cérebro do lutador estava extremamente danificado e podia ser comparado ao de uma pessoa de 85 anos portadora de Alzheimer. Essa característica pode ter levado Benoit a sofrer de uma demência séria, o que pode causar ataques violentos.

3 – Explosão

Um homem de Maceió, no Alagoas, conhecido como Caolho, sofreu uma ruptura muscular depois de um acidente de moto e um de seus braços – aliás, cada um media 90 cm de circunferência – simplesmente “explodiu”. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital. Caolho tinha abusado de esteroides.

4 – O fisiculturista que agora tem mamas grandes

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Ronnie Dean Coleman, de 49 anos, é recordista quando o assunto é fisiculturismo, colecionando prêmios em campeonatos pelo mundo todo. Como você deve imaginar, esse tanto de músculo não é resultado apenas de exercícios em academias. Coleman tem um sintoma visível do uso de esteroides: o aumento das mamas, efeito conhecido como ginecomastia.

5 – Experiência

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Um escritor canadense chamado Craig Davidson resolveu tomar anabolizantes por algumas semanas e escrever a respeito. Em 16 semanas seu corpo estava completamente mudado e, obviamente, os efeitos colaterais já apareciam aos montes.

Três dias depois de dar início ao tratamento, Davidson reparou que seus mamilos já estavam muito maiores do que o normal, com a pele extremamente esticada. Alguns dias depois, ele reparou que estava começando a perder cabelos e pelos do corpo inteiro. Depois disso, não demorou para que seus testículos começassem a diminuir de tamanho, chegando a ficar metade do tamanho original.

Na sexta aplicação, Davidson sentiu e viu uma bolha do tamanho de uma cebola sob sua pele. Ele massageou o local e viu que a bolha ia se mexendo conforme ele apertava os dedos. No mesmo período, ele percebeu que seus testículos estavam completamente inchados e já era um sacrifício fazer xixi. Em questão de poucas semanas seu peso subiu e a balança passou a marcar 106 kg.

Depois de completar seu período de experiências e parar de aplicar as injeções, o escritor simplesmente acordou com seus testículos normais, sem as camadas “musculares” do peito, dos ombros e da barriga. Na verdade, tudo estava caído e flácido. Suas pernas estavam superfinas, bem mais do que o normal.

Agora com 77 kg, Davidson foi ao médico para checar o que o tratamento curto tinha feito a seu corpo. O resultado? Uma hérnia na região da lombar devido ao ganho excessivo de peso em pouco tempo; sua próstata aumentou de tamanho; e exames de sangue mostraram que o fígado do escritor estava completamente fora dos parâmetros normais. E aí, parece que não vale a pena, não é mesmo?

Se você quer ficar forte, tudo bem. O importante é procurar fazer isso da maneira certa — contar com a ajuda de um nutricionista e de um profissional de Educação Física é fundamental. Além disso, existem suplementos alimentares que você pode tomar sem prejudicar a sua saúde.

*Publicado originalmente em 20/01/2014.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.