3 espécies invasoras que ameaçam a natureza nativa da África do Sul

3 espécies invasoras que ameaçam a natureza nativa da África do Sul

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

Espécies invasoras, para quem não sabe, são aquelas que foram introduzidas em ecossistemas que não pertenciam, originalmente, em seus habitats naturais. Pela falta de predadores naturais, maior capacidade de reprodução ou outra característica adaptativa, essas criaturas se instalam na nova área e podem ameaçar a biodiversidade, a saúde humana e até mesmo a economia local.

Este ano, a Cidade do Cabo, capital legislativa da África do Sul, quase se tornou a primeira grande cidade do mundo a ficar sem água. Uma das causas que podem ser apontadas para a catástrofe foi o possível aumento na presença de espécies invasoras na região, incluindo de plantas e insetos.

Além do significativo custo financeiro, estimado em cerca de US$ 450 milhões ao ano (pouco menos de R$ 1,7 bilhão), o relatório do Instituto da Biodiversidade Nacional da África do Sul considera que as espécies invasoras são responsáveis ??por um quarto das perdas de biodiversidade do país.

Sede fora do padrão

Plantas exóticas, tal como a Acácia Negra e algumas espécies de pinheiros e arbustos, costumam usar mais água do que as plantas nativas do território sul-africano. O relatório deste ano estima que árvores e arbustos invasivos, se não forem controlados, podem ameaçar até um terço do suprimento de água para cidades como a Cidade do Cabo, além de consumir até 5% do escoamento anual médio de chuvas no país. Veja alguns exemplos de espécies invasoras que ameaçam o país:

1 – A Formiga Argentina

Outro caso possível de se apontar como espécie invasora em terras sul-africanas é a popular Formiga Argentina, Linepithema humile, originalmente nativa da América do Sul. A alimentação e comportamento do inseto — de coloração castanha-escura — impede a correta dispersão de sementes das plantas nativas da região.

Formiga argentina(The Diversity of Insects/Alex Wild)

2 – Plantinha não tão inofensiva assim

A leguminosa Prosopis glandulosa, também original da América, foi introduzida em toda a África para forragem animal. Trata-se de um arbusto capaz de se desenvolver de maneira mais eficaz do que as plantas locais, competindo por recursos e espaço. Há ainda indícios de que a planta poderia atrair mosquitos Anopheles, responsáveis pela transmissão de doenças como a malária, por exemplo.

Prosopis glandulosa(Plant Master)

3 – O aguapé que cresce até sufocar

Tão comum em nossas terras, o aguapé (Eichhornia crassipes) também é originário da América do Sul. O problema é que, fora do seu habitat original, ele tem seu crescimento irregular e é capaz de sufocar as barragens e canais tal como aconteceu na África do Sul.

Aguapé(HiSoUR)

*Este texto foi redigido por Raquel Sanzovo, bióloga e pedagoga do Departamento de Educação da Unesp Botucatu.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.