Confira algumas curiosidades impressionantes sobre o Super Bowl
273
Compartilhamentos

Confira algumas curiosidades impressionantes sobre o Super Bowl

Último Vídeo

Você já deve ter ouvido falar a respeito do Super Bowl, não é mesmo? Pois no próximo domingo, dia 1º de fevereiro, ocorrerá a 49ª edição do jogo que decide qual time da Liga Americana de Futebol (a NFL) será o campeão da temporada, e o evento promete ser um tremendo espetáculo — e quebrar vários recordes, incluindo de audiência, consumo, geração de receita etc.

Ka-ching!

Como todo mundo sabe, durante o Super Bowl são veiculados comerciais pra lá de irados e mega shows são realizados no intervalo. Porém, e você, caro leitor, tem ideia de quanto dinheiro circula nos EUA por conta desse evento esportivo? Alerta de spoiler: muito, muito mesmo!

Segundo uma reportagem do pessoal da ESPN, só durante o fim de semana no qual ocorre o Super Bowl, US$ 12,6 bilhões (ou cerca de R$ 32 bilhões) são gerados apenas nos EUA. Para que você tenha uma noção do absurdo disso, o Facebook gera US$ 10 bilhões durante o ano todo — e em todo o mundo.

Vitrine

Desde a sua primeira edição, em 1967, o Super Bowl se tornou um dos eventos esportivos com uma das maiores audiências do planeta. Aliás, ele é tão concorrido — e serve como uma das melhores “vitrines” do mundo para anunciantes e artistas — que, este ano, inclusive circulou a notícia de que a estrela que fosse se apresentar no show do intervalo teria que pagar para ter essa honra.

Considerando que o índice de telespectadores que não muda de canal durante todo o evento é de 95%, a proposta, apesar de inusitada, é de certa forma compreensível. Por outro lado, os shows do intervalo são um dos principais motivos de o público não usar o controle remoto, e um exemplo disso foi a apresentação da Madonna em 2012, cujos os índices de audiência foram mais altos do que os do jogo.

Quem se apresentará neste ano é a norte-americana Katy Perry — com Lenny Kravitz como convidado —, e, apesar de toda a polêmica, não se sabe se a cantora pagou ou não a taxa para aparecer. E já que estamos falando em cifras e números do Super Bowl, que tal conferir alguns deles a seguir?

1 – A National Chicken Council, uma associação comercial que representa a indústria aviária nos EUA, prevê que 1,25 bilhão de asinhas de frango serão devoradas durante o Super Bowl no próximo domingo;

2 – A Domino’s Pizza e a Pizza Hut esperam vender 29 milhões de fatias de pizza no dia do jogo;

3 – Além disso, estima-se que 1,7 milhão de quilos de pipoca, 5 milhões de quilos de batatinhas e 50 milhões de latinhas de cerveja sejam consumidos durante o evento;

4 – Segundo uma estimativa realizada por um órgão do governo, cada norte-americano deve consumir, em média, 2,4 mil calorias enquanto assiste ao jogo;

5 – Um total de 112,2 milhões de pessoas assistiram ao Super Bowl no ano passado, tornando o evento o programa mais assistido na história da televisão norte-americana;

6 – Este ano, a expectativa é de que 1 em cada 3 norte-americanos esteja com os olhos grudados na TV no próximo domingo para acompanhar o evento esportivo;

7– O jogo será transmitido em 180 países e em mais de 30 idiomas, e a estimativa é de que 169 milhões de pessoas assistam ao Super Bowl;

8 – Cada comercial de 30 segundos veiculado pelo canal de TV NBC custará US$ 4,5 milhões — ou cerca de R$ 12 milhões;

9 – O troféu Vince Lombardi — feito pela Tiffany & Co. e entregue ao vencedor do Super Bowl — custa aproximadamente US$ 50 mil — ou perto de R$ 130 mil;

10 – O estádio onde ocorrerá o jogo — o University of Phoenix Stadium — tem capacidade para até 78.600 espectadores e custou US$ 455 milhões (ou  perto de R$ 1,2 bilhão) para ser construído;

11 – O ingresso para o melhor lugar disponível que ainda resta está sendo vendido por US$ 9.481,25 — ou cerca de R$ 24 mil;

12 – Já o ingresso mais barato que ainda pode ser comprado custa US$ 4.490,25 — ou aproximadamente R$ 12 mil;

13 – No Super Bowl do ano passado, os fãs apostaram um total de US$ 99 milhões (ou R$ 255 milhões) em quem seria o vencedor;

14 – Quando o U2 comandou o show do intervalo em 2002, Bono Vox mostrou a bandeira dos EUA durante uma das músicas. Essa simples ação fez com que o álbum do grupo pulasse da 108ª posição para a no ranking Billboard;

15 – Em 2005, depois que Paul McCartney se apresentou durante o intervalo do jogo, a venda de músicas dos Beatles subiu 60%;

16 – Depois que a banda The Black Eyed Peas se apresentou no Super Bowl em 2011, as vendas da música “Where is the Love” aumentaram 332%.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.