02
Compartilhamentos

Escola chinesa usa reconhecimento facial para monitorar alunos em sala

Recentemente, muita gente ficou impressionada com o imenso esquema de vigilância baseado em reconhecimento facial da China. A última novidade chinesa nesse sentido é o uso desse mesmo tipo de câmera de vigilância dentro de salas de aula. Uma escola chinesa localizada na cidade de Hangzhou usa os equipamentos para monitorar o comportamento dos alunos durante as aulas.

No local, três câmeras foram instaladas sobre o quadro negro e são capazes de identificar expressões faciais distintas para determinar se o aluno está feliz, neutro, triste, desapontado, nervoso, assustado ou surpreso. Até o momento, apenas uma sala conta com os equipamentos, mas a ideia é levá-los a toda a instituição ainda neste ano. O objetivo do projeto é, ao menos em teoria, abastecer o professor com informações sobre o quanto os estudantes estão focados nas lições passadas durante as aulas.

Privacidade

O diretor da escola crê que o sistema trará benefícios para o processo educativo. “É como se os professores tivessem assistentes, e isso pode aprimorar a qualidade do ensino”, afirmou Mr. Ni ao site Hangzhou.com. “Algumas pessoas disseram que o sistema viola a privacidade dos estudantes, mas ele apenas registra os movimentos dos estudantes e não filma as atividades na aula.”

Na prática, porém, a situação tem um ar muito mais de monitoramento e que tenta evitar comportamentos inadequados dos alunos por meio do constrangimento.

“Antes, quando tinha aulas que não gostava muito, eu ficaria enrolando e talvez até tirasse um cochilo sobre a mesa ou ficasse folheando outros livros”, contou um estudante ao site. “Mas eu não ouso me distrair desde que as câmeras foram instaladas nas salas de aula. É como se um par de olhos misteriosos estivesse me monitorando constantemente.”

Escola chinesa usa reconhecimento facial para monitorar alunos em sala via TecMundo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.

Comentários

Você já percebeu que passamos por algumas mudanças por aqui, né? Uma delas é melhorar também o nosso campo de comentários - e nada melhor do que você, nosso leitor, para nos ajudar e garantir que a gente esteja no caminho certo. Substituímos temporariamente nossos comentários por uma pesquisa rápida para implementarmos mais uma melhoria. Como você acredita que nossa interação pode ser mais próxima aqui?

CLIQUE AQUI PARA RESPONDER