Rússia divulga vídeo mostrando o “torpedo do juízo final”
828
Compartilhamentos

Rússia divulga vídeo mostrando o “torpedo do juízo final”

Último Vídeo

Apesar de atualmente não existirem conflitos armados de grandes proporções, o clima entre países não está tão ameno quanto já foi há alguns anos. Bombas nucleares e ameaças veladas voltaram aos noticiários, deixando a população receosa sobre as consequências sérias que esses pequenos movimentos podem ter no futuro.

Nenhum país quer ficar para trás em uma corrida armamentista, ainda mais quando se trata de Rússia e EUA, que já possuem um histórico recente de disputa semelhante. Agora, o presidente russo, Vladimir Putin, revelou em um discurso recente que está sendo desenvolvido um torpedo, que pode alcançar grandes profundidades e possui poucas vulnerabilidades que possam ser exploradas por inimigos.

O Poseidon, que está sendo chamado de “torpedo do juízo final”, poderia gerar um tsunami com 90 metros de altura, graças à sua capacidade de carregar uma ogiva nuclear de 50 Megatons. Além disso, Putin complementou informando que “veículos subaquáticos não tripulados podem atingir vários alvos, incluindo grupos de aeronaves, fortificações costeiras e infraestrutura”.

Informações “vazadas”

Em 2015, informações sobre o torpedo foram mostradas de forma sutil em uma reportagem que falava sobre o encontro de Putin e alguns líderes militares, sendo divulgadas como um vazamento. Na época, uma análise feita por especialistas constatou que o equipamento tinha capacidade de carregar uma ogiva nuclear tão potente quanto a utilizada na Tsar Bomba, o maior dispositivo nuclear já detonado.

Hans Kristense, diretor do Projeto de Informações Nucleares da Federação de Cientistas Americanos, expressou sua opinião ao Business Insider, classificando o torpedo como “uma arma insana, no sentido de que é provavelmente tão indiscriminada e letal quanto uma arma nuclear, mesmo carregada com explosivos comuns”.

A efetividade da explosão não seria tão grande, já que a detonação ocorreria debaixo da água, mas levando em conta a capacidade de carga do torpedo os estragos seriam imensos. No vídeo, é possível ver claramente que a arma pode atingir um porta-aviões de forma direta, independente de quantos navios estejam auxiliando a defesa.

A real intenção na divulgação dessas informações pelo governo russo ainda é um mistério, mas ficou clara a mensagem de que a Rússia não está nem um pouco ultrapassada, quando levamos em conta sua tecnologia militar.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.