Coronavírus: fotos de como Itália está lidando com a crise

Coronavírus: fotos de como Itália está lidando com a crise

Último Vídeo

A situação do coronavírus na Itália está caótica. Mesmo com diminuição do número de novos casos nos últimos dias, um olhar sobre o país indica que o surto está longe de ser controlado. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Itália tem mais de 74 mil casos oficiais e quase 8 mil mortos, a maioria devido à transmissão local do vírus.

O país mediterrâneo representa atualmente 45% dos casos relatados na Europa e 79% do total de mortes no continente, de acordo com a OMS. A região mais atingida é a da Lombardia, no norte do país, onde ocorreram cerca de metade de todos os casos de óbitos italianos. Outro país europeu que enfrenta dificuldades em controlar o coronavírus é a Espanha.

(Fonte: Bayer AG/Reprodução)(Fonte: Bayer AG/Reprodução)

A Itália tem o segundo maior número de casos de coronavírus, perdendo somente para a China até o momento. No entanto, as medidas de bloqueio impostas pelo governo italiano desde 9 de março parecem estar surtindo efeito, com a diminuição dos casos de morte dia após dia. Globalmente, a pandemia continua a se espalhar, com o total de casos confirmados chegando aos 491 mil, somando mais de 22 mil mortes.

Nas ruas italianas já foram flagrados caminhões do exército transportando dezenas de caixões para uma cidade próxima, pois o crematório de Bergamo não consegue lidar com tantos corpos. Além disso, faltam suprimentos e os profissionais de saúde estão esgotados de tanto trabalhar.

Abaixo, algumas imagens transmitem o caos que o país está vivendo, com profissionais de saúde, governo e população tentando lidar com a doença.

(Fonte: Shutterstock/Reprodução)(Fonte: Shutterstock/Reprodução)

(Fonte: Shutterstock/Reprodução)(Fonte: Shutterstock/Reprodução)

(Fonte: Shutterstock/Reprodução)(Fonte: Shutterstock/Reprodução)

(Fonte: Shutterstock/Reprodução)(Fonte: Shutterstock/Reprodução)

(Fonte: EPA/Reprodução)(Fonte: EPA/Reprodução)

(Fonte: ROPI/Reprodução)(Fonte: ROPI/Reprodução)

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.