Cachorrinha que dormia em manjedoura é adotada

A funcionária pública Nádia Rosângela registrou um momento único durante um passeio no município de Inhuma, no estado do Piauí, ao encontrar uma cadelinha abandonada dormindo na manjedoura de um grande presépio natalino. 

Em 7 de dezembro, Nádia e o marido decidiram fazer um passeio pela Praça Monsenhor Lopes, localizada no centro da cidade, sem saber que aquele momento iria mudar completamente sua vida. 

(Fonte: Nádia Rosângela / Reprodução)
(Fonte: Nádia Rosângela/Reprodução)

Entre as atrações do município, destaca-se um grande presépio que sempre é montado para comemorar a chegada do Natal. Desta vez, o que mais chamou atenção não foram as esculturas, e sim a pequena criatura que repousava serenamente na manjedoura. Segundo a mulher, uma cadelinha curtia um sono profundo no local enquanto era fotografada e cativava os observadores.

“Quando fomos ver o presépio, ela estava lá dormindo na manjedoura. Para mim, que sou cristã, foi muito significativo. Aquela cena me deixou muito emocionada”, disse Nádia em entrevista ao G1.

(Fonte: Nádia Rosângela / Reprodução)
(Fonte: Nádia Rosângela/Reprodução)

As imagens viralizaram nas redes sociais e logo começaram a mostrar os primeiros resultados positivos, com milhares de compartilhamentos e comentários sobre o emocionante momento registrado pela visitante. 

História com final feliz

Infelizmente, Nádia não pôde ficar com a cachorrinha por não ter mais espaço em casa, já que abriga diversos cães e gatos; porém, a campanha de adoção do filhote ganhou força rapidamente na internet, e não demorou para surgirem os primeiros interessados em apadrinhar o animal.

(Fonte: Nádia Rosângela / Reprodução)
(Fonte: Nádia Rosângela/Reprodução)

“Fiquei emocionada imaginando como Jesus Cristo se faz presente em tantas coisas, em tantas criaturas, em tantos seres. Para mim, aquele cachorrinho era Jesus se fazendo presente”, disse a moça. “Infelizmente não o trouxe [para casa] porque já tenho 3 cães e 12 gatos adotados. Na escola em que minha mãe trabalha, ela também ajuda uma família de gatos”.

No dia seguinte à visita ao presépio, a cachorrinha não estava mais no local, mas foi posteriormente encontrada pelas ruas e levada para seu novo lar. Além disso, a irmã da cadelinha foi localizada por um colega de Nádia que acabou a adotando.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.