Seja o primeiro a compartilhar

Jason Vukovich, o 'Vingador do Alasca' que caçava pedófilos

Não é novidade que o conceito de justiceiro é muito forte nos Estados Unidos. Por isso, histórias como a de Jason Vukovich são mais comuns do que esperávamos. O homem de 42 anos se autodenominou como Anjo Vingador do Alasca ao ser preso por ferir brutalmente 3 homens – todos acusados de pedofilia.

Residente do Alaska, Vukovich carregava consigo uma lista com os nomes de pedófilos com quem pretendia fazer justiça com as próprias mãos. Dessa lista, ele chegou a atacar três homens: C. Albee, A. Barbosa e W. Demarest. Os ataques aconteceram no período de 5 dias e todas as vítimas foram feridas com um martelo. Um deles chegou até mesmo a sofrer de traumatismo craniano.

(Fonte: ADN/Reprodução)
(Fonte: ADN/Reprodução)

Saiba mais sobre o Anjo Vingador do Alasca, Jason Vukovich

Os nomes de sua lista foram retirados da lista de ofensores sexuais, disponibilizada pelo governo. Ao ser capturado, ele exigiu apenas que sua sentença não fosse maior que aquelas conferidas aos pedófilos que atacou e a pena de seu agressor quando criança. Afinal, Jason também foi vítima de pedofilia, o que causou nele o sentimento de justiceiro.

O agressor foi seu padrasto, o pedófilo Larry Lee Fulton, fruto do segundo casamento de sua mãe. Segundo Jason, seu padrasto era cristão e ele se sentiu muito confuso quando as agressões sexuais começaram a acontecer. Além disso, ele também batia em seu afilhado com cintos e pedaços de madeira. Apesar de ter sido condenado, o padrasto não cumpriu a sentença na cadeira.

(Fonte: ADN/Reprodução)
(Fonte: ADN/Reprodução)

Em entrevista ao jornal Anchorage Daily News, Vukovich afirmou que perdeu a sua infância para o abuso sexual. Porém, ele foi instruído ainda a não incentivar o conceito de justiça com as próprias mãos para ter a pena reduzida. Com isso, ele pede aos leitores que “não joguem o futuro fora”.

Jason foi condenado a 23 anos de prisão e entrou no programa restaurativo de Spring Creek, nos Estados Unidos. No julgamento, seu irmão, Joel Fulton, atestou em favor de Vukovich e comprovou os horrores sofridos na infância. Por isso, ele conseguiu uma pena menor.

O que você achou dessa curiosidade? Deixe seu comentário no espaço abaixo e compartilhe o artigo nas redes sociais!

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.