Seja o primeiro a compartilhar

As 5 praias mais perigosas do mundo

Praias costumam ser ambientes associados com relaxamento e contato com a natureza, onde as pessoas podem desfrutar de lindos dias junto de seus amigos e familiares ou até mesmo sozinhas. Afinal, nada como um belo dia ensolarado e um banho de mar para reabastecer as energias.

No entanto, não são todas as praias do mundo que possuem o mesmo tipo de reputação. Em certas regiões, algumas praias podem ser consideradas aterrorizantes e não são vistas como propícias para os banhistas. Você conhece algum lugar assim? Veja só essa lista com cinco das praias mais perigosas do planeta!

5. Boa Viagem

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

A praia de Boa Viagem, em Recife, faz parte do grupo de praias mais perigosas da Terra. O principal motivo disso é porque essa parte da costa brasileira é conhecida pela grande atividade de tubarões. Porém, essa também é uma praia bastante querida pelos pernambucanos e recebia muitos surfistas e nadadores.

Esse é um dos motivos pelo qual existiram 50 ataques de tubarão registrados na região nos últimos 20 anos, dos quais muitos foram fatais. Como resultado, Boa Viagem acabou proibindo o surfe e o nado com mais de 1 metro de profundidade em 1999.

4. Makua

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Makua Beach é uma das praias mais isoladas e distantes de Oahu, no Havaí, e por isso vive vazia. Entretanto, essa foi a praia onde a adolescente Bethany Hamilton, de 13 anos, teve seu braço arrancado por um tubarão-tigre de 4 metros em 2013. A menina foi ao local com um grupo de amigos para pegar algumas ondas e foi surpreendida quando voltava para a areia.

Esse não foi o primeiro e único encontro entre humanos e tubarões na região, mas foi o mais emblemático. Com a repercussão do caso, Hamilton acabou sendo apelidada de "Shark Girl" e só sobreviveu graças aos socorros imediatos prestados pelos seus colegas.

3. Okuma

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Antes de 2011, a praia de Okuma era uma área bem popular para surfistas, nadadores e pescadores ao redor do Japão. Entretanto, em março daquele ano, a região foi atingida por um terremoto de 9 pontos na escala Richter — o maior já registrado na história do país.

Os tremores criaram ondas de tsunami, que acabaram atingindo a usina nuclear da Tokyo Electric Power Company (TEPCO) em Okuma, localizada na província de Fukushima. A água inundou os geradores da usina, o que fez com que radioatividade fosse liberada na atmosfera. Desde então, a área tornou-se uma zona de exclusão.

2. Imperial Beach

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Ao sul da cidade de San Diego, na Califórnia, a Imperial Beach tornou-se uma praia bastante procurada pelos surfistas por conta das suas ondas fortes e consistentes. Além disso, essa também é uma praia que conta com uma boa quantidade de turistas e banhistas. 

Porém, por ser localizada a 10 km da fronteira dos Estados Unidos com o México, a Imperial Beach passou a sofrer com a quantidade colossal de esgoto gerada pela estação de tratamento de águas residuais de Tijuana. Por esse motivo, poluentes industriais são regularmente despejados no Oceano Pacífico e passaram a impactar na saúde da praia.

1. Trois Bassins

(Fonte: Internet/Reprodução)(Fonte: Internet/Reprodução)

O belíssimo território francês da Ilha da Reunião, no Oceano Índico, sofre desde 2011 com a atividade de tubarões. Desde então foram 19 incidentes envolvendo esses animais selvagens, com 7 mortos no total. Por conta disso, o turismo da ilha foi completamente arruinado. 

Surfar na região tornou-se perigoso demais e já não há muitas pessoas que desejam se aventurar nesse nível. Pesquisadores não sabem até hoje qual é o motivo por trás do aumento considerável das populações de tubarões-touro e tubarões-tigre agressivos perambulando pela região.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.