5 dicas para reconhecer artigos falsificados

5 dicas para reconhecer artigos falsificados

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

Quem nunca quis ter uma Birkin, casacos da Burberry ou legítimos Loubotin? É sempre assim, quando há algum sonho de consumo, um falsificador estará à espreita para vender cópias das grandes marcas. A facilidade de se ter alguma coisa com aparência muito parecida com a original e pagar menos às vezes pode parecer tentadora. Ainda assim, existe uma série de problemas decorrentes disso.

Quando compra algum produto pirata, além de infringir leis, você ainda pode provocar algum tipo de problema de saúde – dependendo do tipo de produto adquirido. Isso é bastante visível no caso dos óculos escuros e produtos de beleza falsificados, que normalmente não cumprem as exigências dos órgãos de saúde nacionais.

O cenário fica ainda pior quando o assunto é bolsa, sapatos e cintos. A qualidade dos materiais é muito inferior, o que pode fazer com que você precise desembolsar ainda mais dinheiro para eventuais consertos; sem contar os danos à sua postura. Portanto, nós do TodaEla damos as dicas para você não ser enganada na hora de se entregar ao sonho de consumo:

1) Onde você está comprando?

Este é o primeiro cuidado que você deve ter. Quando for comprar produtos de marcas renomadas, procure sempre ir até à loja oficial ou a um revendedor autorizado – tanto na internet, como pessoalmente.

2) A esmola é demais?

Então desconfie! Com os impostos e a inflação cada vez maiores, não existe santo que faça uma Fendi custar 120 reais. É triste, mas é verdade.

3) Detalhes tão pequenos...

Eles fazem toda a diferença. Não tenha pressa na hora de comprar. Examine cada peça com bastante cuidado, prestando atenção em detalhes como costuras, zíperes, bolsos, fechos, etiquetas e até mesmo à impressão da marca. Ela parece verdadeira? Existem borrões? Tome cuidado!

4) Julgue pela capa!

A embalagem não está bonita? Mais uma razão para manter o seu pé atrás. Normalmente, as lojas oficiais ou autorizadas costumam embalar muito bem o produto quando você vai levar a sacola. Se você achar que não está bem arrumado, desconfie de novo.

5) Escrita e tipografia

Não é difícil ver uma peça falsificada com erros grosseiros na escrita, tanto na ortografia quanto na tipografia. Às vezes, para o produto não ficar idêntico, o falsificador costuma trocar cores, alterar uma letra no nome e assim por diante. Preste atenção nesses detalhes!

Agora que você já tem o manual básico para as compras, não se deixe enganar por qualquer preço baixo! A solução, muitas vezes, é prestigiar outras marcas que oferecem produtos tão bonitos quanto aqueles das grandes grifes e têm preços mais acessíveis – afinal, não está fácil para ninguém.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.