Conheça a mulher que teve uma lesão cerebral e ganhou uma memória incrível
190
Compartilhamentos

Conheça a mulher que teve uma lesão cerebral e ganhou uma memória incrível

Último Vídeo

Ninguém gosta de levar pancadas na cabeça, muito menos quer correr o risco de ter algum dano cerebral por conta de uma bela cacetada. No entanto, algo extraordinário aconteceu com uma norte-americana que, depois de sofrer um acidente de esqui, desenvolveu uma síndrome rara que a deixou com uma memória excepcional.

De acordo com Valerie Siebert do portal Daily Mail, a norte-americana — que preferiu não revelar sua identidade — estava esquiando com a família quando saiu da pista pela qual estava descendo, bateu com a cabeça e acabou desmaiando. Apesar de sentir fortes dores no ombro, como a moça não percebeu sintomas como tontura ou náusea, ela decidiu continuar aproveitando as férias na neve normalmente.

Nova habilidade

A jovem só resolveu ir ao hospital dois dias depois do tombo, descobrindo que, além de ter fraturado a clavícula e deslocado o ombro, tinha sofrido uma leve concussão. Contudo, pouco tempo após o acidente, a mulher começou a desenvolver uma memória incrivelmente precisa, e descobriu que era capaz de se lembrar dos mais mínimos detalhes de todos os locais nos quais ela esteve.

A moça inclusive percebeu que conseguia recriar mapas e diagramas de cada edifício e localidade que ela já havia visitado! Segundo Valerie, depois de uma série de exames, os médicos descobriram que no acidente a norte-americana sofreu uma lesão cerebral que deu origem a uma síndrome extremamente rara conhecida como savantismo, da qual existem apenas por volta de cem casos descritos na literatura médica.

Síndrome do sábio

O savantismo — ou síndrome do sábio, como também é conhecido —, apesar de poder ser um problema congênito, quando é adquirido, geralmente surge em decorrência de traumas na cabeça ou lesões cerebrais. Caracteristicamente, os afetados descobrem de repente que desenvolveram notáveis habilidades musicais, matemáticas ou artísticas, por exemplo, e é muito difícil que os novos talentos desapareçam com o tempo.

De acordo com Valerie, os especialistas ainda não conseguem explicar com exatidão o motivo de o savantismo se desenvolver, especialmente considerando que cada caso é um caso. Entretanto, uma das teorias é a de que a síndrome surge quando o hemisfério direito do cérebro tenta compensar uma lesão sofrida no lado esquerdo.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.