Canos gigantescos protegem New Orleans de um desastre
41
Compartilhamentos

Canos gigantescos protegem New Orleans de um desastre

Último Vídeo

Uma das principais cidades afetadas pelo Furacão Katrina, em 2005, New Orleans é conhecida por sua grande mistura de influências culturais e pelas enchentes que marcaram sua história. Dessa forma, não é de espantar que autoridades governamentais tenham se empenhado na construção de instrumentos que consigam ou ao menos diminuir o impacto das chuvas.

Exemplos de iniciativas do tipo podem ser vistos no Canal da Rua 17, que conta com uma estação responsável por bombear água ao Lago Pontchartrain. O imenso maquinário se destaca não somente pela grande quantidade de canos, mas também pelo formato que eles adotam, que pode parecer um pouco estranho ao público.

O fato de as saídas de água serem voltadas para cima pode ser explicada pelo fato de que é necessário que elas sempre possuam alguma quantidade de líquido em seu interior. Com isso, o equipamento continua molhado, o que impede que ele queime quando passa a ser operado depois de passar muito tempo sob o Sol.

O objetivo do canal é bombear a água da chuva em direção ao Lago Pontchartrain, que se conecta diretamente ao Golfo do México. Embora isso provoque algumas consequências ecológicas indesejáveis, a solução traz o benefício de impedir que grande parte da cidade seja inundada pelas chuvas. Um fato curioso sobre o local é que a ponte localizada no lago deteve entre os anos 1956 e 2011 o título de construção do tipo mais extensa do mundo, posição que perdeu para a Jiazhou Bay Bridge, construída na China.

Via TecMundo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.