O mistério de Terror e Erebus, os navios que desapareceram nos anos 1840

O mistério de Terror e Erebus, os navios que desapareceram nos anos 1840

Último Vídeo

Se você já assistiu ao novo seriado “The Terror”, conhece os navios ingleses Erebus e Terror. Em maio de 1845, eles partiram da Inglaterra e tentaram atravessar a Passagem do Noroeste através da calota polar ártica — lugar inóspito, congelante e fácil de fazer com que um navio encalhe no gelo, especialmente um que não tenha motores.

Porém, durante a expedição, os dois navios simplesmente desapareceram. O Erebus só foi encontrado em 2014 e o Terror, em 2016, em excelentes condições! Mas o maior mistério que permanece é: o que aconteceu nessa expedição para que 129 homens e 2 navios simplesmente desaparecessem?

O que se sabe?

Em julho daquele ano, os tripulantes pararam na costa da Groenlândia, enviaram suas últimas cartas e juntaram provisões suficientes para 3 anos. Considerando isso, é natural que ninguém esperasse vê-los tão cedo nem os procurasse por bastante tempo.

Como os navios estavam praticamente intactos, os questionamentos e as teorias sobre o sumiço desses marinheiros são dos mais variados. Poderia ter sido escorbuto; ou envenenamento por chumbo, afinal de contas a comida estava armazenada em latas; quem sabe alguma bactéria na carne (cientistas mais tarde descobriram que não havia contaminação na carne); talvez tivessem deixado o navio, passado fome e se tornado canibais!

1

A primeira suspeita de que a tripulação tenha aderido ao canibalismo veio de relatos inuítes, que haviam avistado eventualmente não apenas navios e homens, mas também ossos desmembrados. 

Pois bem. Claro que o relato inuíte não foi bem aceito. Exploradores eram tidos como celebridades naquela época, tinham um nome a zelar. Onde já se viu a possibilidade de manchar tal ilustre reputação com fofocas sobre canibalismo? De jeito nenhum!

Dúvidas permanecem

A descoberta dos navios ainda é muito recente, mas a ciência chega cada vez mais perto de sustentar a hipótese de canibalismo, pois muitos dos ossos encontrados estavam cortados de forma especialmente “cozinhável”, tal qual em um açougue. Isso talvez pareça grotesco para nós, aqui quentinhos e confortáveis, mas as pessoas são capazes de fazer muito para sobreviver. 

2

O grande mistério permanece, mas aos poucos os arqueólogos vão descobrindo mais e mais fatos a respeito dos dois navios, o que certamente os aproximará de compreender o que houve com a tripulação.

Um exemplo disso é que as embarcações foram encontradas em locais diferentes do que se imaginava. Isso sugere que os marinheiros possam ter encalhado no gelo, abandonado o navio e, depois, tentado voltar a ele.

O que importa é que, quanto mais expedições forem feitas nos navios, maiores as chances de descobrir o fim misterioso das tripulações do Terror e do Erebus.

***

Sabia que fãs de filmes e séries agora estão no Clube Minha Série? Neste espaço, você também pode escrever e encontrar outros especialistas sobre seus programas favoritos! Acesse aqui e participe.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.