Teria barco que sumiu há 90 anos no Triângulo das Bermudas reaparecido?
2.902
Compartilhamentos

Teria barco que sumiu há 90 anos no Triângulo das Bermudas reaparecido?

Último Vídeo

Um dos nossos leitores — Wladmir de Alessio Junior, que já enviou sugestões de pauta bem interessantes para a nossa equipe! — contou que viu uma história um tanto quanto suspeita na internet: um navio que teria desaparecido no Triângulo das Bermudas há 90 anos teria reaparecido no litoral de Cuba. Pois como nós somos Mega Curiosos, fomos averiguar que papo estranho é esse de barco ressurgido das profundezas, e eis o que descobrimos!

SS Cotopaxi

A embarcação em questão seria o SS Cotopaxi, um navio mercante que desapareceu no Triângulo das Bermudas no finalzinho de 1925, quando realizava uma viagem entre a cidade de Charleston, na Carolina do Sul, EUA, e a de Havana, em Cuba. Segundo algumas fontes, o barco transportava uma carga de pouco mais de 2,3 mil toneladas de carvão e contava com uma tripulação de 32 homens.

Esse seria o SS Cotopaxi

Até onde se sabe, o capitão da embarcação chegou a enviar uma mensagem de socorro, informando as autoridades que o barco estava afundando. Isso, na verdade, não constitui o que podemos chamar de um “desaparecimento misterioso” em si, no entanto, como o Cotopaxi naufragou enquanto supostamente navegava pelo famoso (mas irreal) Triângulo das Bermudas, o caso acabou entrando para a lista de sinistrezas associadas a esse local.

Ressurgindo das profundezas

E não é que em maio do ano passado começaram a circular notícias de que o Cotopaxi havia sido interceptado pela Guarda Costeira de Cuba próximo ao litoral do país insular! Demorou, mas, perto de 90 anos depois do “misterioso” sumiço do barco, ele finalmente estava chegando ao seu destino.

Sinistreza...

Ainda segundo os rumores, as autoridades cubanas chegaram a conduzir buscas exaustivas no interior da embarcação, e elas inclusive teriam encontrado o diário de bordo do capitão! O problema é que, de acordo com as fontes, não havia nenhuma alma viva a bordo — e claro, outro problema é que essa história toda é completamente falsa.

Farsa

Essa fantástica história do navio fantasma, apesar de ter circulado por inúmeros sites mundo afora — e ter surpreendido muita gente — não passou de uma brincadeira. Quem primeiro divulgou a notícia do reaparecimento do SS Cotopaxi foi o portal britânico World News Daily Report, que não só publicou a informação, como incluiu fotos e tudo! Veja a imagem a seguir, que mostraria o especialista cubano Rodolfo Salvador Cruz examinando o diário de bordo:

Na realidade, o especialista cubano Rodolfo Salvador Cruz "non ecziste"!

Acontece que o World News Daily Report é um site focado em notícias satíricas que, segundo sua própria descrição, pode ou não usar nomes reais e empregá-los de maneira completa ou parcialmente fictícia. Além disso, o portal também deixa bem claro que todas as notícias publicadas são obras de ficção e, portanto, são totalmente falsas.

Aliás, a notícia sobre o reaparecimento do Cotopaxi não foi a única brincadeira publicada pelo espirituoso site. O pessoal do WNDR já postou notícias as respeito de um testemunho em primeira mão de um milagre de Jesus, um relato sobre madeireiros derrubando a árvore mais velha do mundo e uma matéria relacionada com a descoberta de um tubarão pré-histórico no Paquistão.

Sendo assim, se o caso do navio fantasma interceptado em Cuba aparecer na sua timeline, saiba que não existe nada de sobrenatural acontecendo pelos mares. Trata-se apenas de uma simples e curiosa brincadeirinha.

* Nós aqui do Mega Curioso agradecemos mais uma vez ao nosso dedicado leitor Wladmir de Alessio Junior pela sugestão de pauta! ;)

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.