Botox e preenchimento: conheça os tratamentos queridinhos das celebridades

Botox e preenchimento: conheça os tratamentos queridinhos das celebridades

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

A pele perfeita, sem manchas ou linhas de expressão nem sempre são obras da genética, mas resultado de procedimentos estéticos. Já nem é mais segredo que as celebridades utilizam diversas táticas para encobrir as pequenas imperfeições do rosto e disfarçar os sinais da idade, mas, graças à sua popularização e aperfeiçoamento, você também pode ter acesso a elas.

Os famosos se submetem a uma série de tratamentos estéticos para garantir a beleza, como as cirurgias plásticas, o clareamento dental com produtos odontológicos e o peeling, realizado a partir da aplicação de produtos químicos sobre a pele. Entretanto, o botox e o preenchimento labial são os tratamentos mais utilizados para causar aquele impacto diante das câmeras.

Adeptos estelares

Entre as celebridades que já experimentaram os tratamentos, estão a atriz Nicole Kidman, a cantora Anitta, a socialite Kylie Jenner e a pop star Madonna. Até mesmo os homens estão começando a lançar mão desses procedimentos, como é o caso do jogador David Beckham e do ator Malvino Salvador — que também já fizeram aplicações.

(DC Extended Universe)

Como as principais referências de uso dos procedimentos estéticos são verdadeiros ícones de beleza, as celebridades definitivamente influenciam a vontade e o desejo de pessoas comuns de também melhorarem a aparência. É por isso que, desde os anos 2000, a procura por esse tipo de tratamento vem registrando crescimentos de quase 20% ao ano!

Para obter um resultado bonito, não é permitido exagerar. A própria Nicole Kidman já declarou que precisou maneirar na dose do botox, pois não conseguia mais mexer a própria testa. Já a cantora Anitta foi muito criticada pela mudança aparente nos lábios de uma hora para a outra. Para não cometer esses e outros erros, saiba mais sobre esses dois populares tratamentos estéticos a seguir.

Botox evita os sinais da idade

Conforme você envelhece, as fibras colágenas elásticas que ajudam a manter a pele firme vão se tornando mais frouxas. Quando isso acontece, as rugas começam a aparecer e já não podem ser eliminadas com tratamentos estéticos menos invasivos. É hora de considerar a aplicação do botox.

(Wallpapers High Quality)

A toxina botulínica, conhecida popularmente como botox, é uma substância obtida a partir da bactéria Clostridium botulinum. Ao ser aplicado no corpo com uma agulha, o botox impede a liberação da acetilcolina — um neurotransmissor responsável pelas contrações musculares —, tendo como resultado a suavização das marcas. Depois de algum tempo, novos terminais nervosos começam a se desenvolver e passam a liberar o neurotransmissor outra vez aos poucos. É por isso que a toxina perde o efeito após um período de mais ou menos seis meses.

Apesar de ser uma técnica segura e eficaz, nem todo mundo pode fazer o procedimento: gestantes, lactantes, pessoas com doenças autoimunes, neurológicas ou que afetam os músculos, os alérgicos à proteína do ovo e que estejam usando medicamentos com aminoglicosídeo correm riscos. Para os demais homens e mulheres, o mais importante é considerar se o tratamento é realmente necessário, independentemente da faixa etária.

(Wallpapers High Quality)

O principal dilema da aplicação do botox está em acertar a quantidade para manter a expressão natural e espontânea, sem ficar com aquele aspecto “esticado” ou “congelado”. Aplicar o produto em áreas erradas também é um risco, pois você pode acabar com uma sobrancelha mais alta do que a outra, entre outros acidentes. Para corrigir os equívocos, há duas possibilidades: esperar o efeito passar, já que ele é temporário, ou tentar outro procedimento para relaxar o músculo, como a eletroestimulação com micro choques.

Preenchimento torna os lábios definidos e volumosos

O objetivo desse procedimento é repor ou acrescentar o volume perdido devido à falta de gordura no rosto. Quem sofre com lábios finos ou desproporcionais, processo de envelhecimento e linhas formadas em volta dos lábios pode se beneficiar do preenchimento. Aintervenção também pode ser feita em olheiras, bochecha e nariz.

(Wallpapers High Quality)

Assim como o botox, o importante é não exagerar. Se o profissional não tiver uma mão bem preparada ou não controlar a quantidade aplicada de cada lado, o resultado pode ser assimétrico. No entanto, você só conseguirá visualizar o resultado final entre cinco e dez dias após a aplicação, pois é esperado que ocorra uma reação inflamatória no local.

Existem algumas formas de aplicar o preenchimento: com o ácido hialurônico ou polilático, que são substâncias que já existem no organismo e, por isso, são bem aceitas, ou com a última novidade, a gordura autógena. Ela é extraída do próprio corpo do paciente e enxertada “viva” na região dos lábios. No entanto, ela continua “engordando” normalmente, e pode se tornar exagerada se você ganhar muito peso. A previsão de efeito do tratamento é de 6 a 12 meses.

Preenchimentos feitos com PMMA, metacril ou hidrogel não devem ser realizados, pois podem acarretar complicações. Além disso, o procedimento está proibido para gestantes, pessoas com doenças autoimunes, alérgicos ao ácido hialurônico, em caso de lesões nos lábios ou na cavidade oral e herpes ativo de lábios.

*Via assessoria.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.