Você sabe qual é o local mais contaminado em um aeroporto?
51
Compartilhamentos

Você sabe qual é o local mais contaminado em um aeroporto?

Último Vídeo

Viagens de férias são sempre empolgantes. Você não vê a hora de se livrar, pelo menos por um tempo, de todos os problemas do dia a dia e só aproveitar os momentos de relaxamento e diversão. Ficar doente é a última coisa que se quer nesse momento, então todo cuidado é pouco para que o período possa ser utilizado somente para atividades agradáveis.

Ao viajar de carro, os riscos de contaminação diminuem, mas se o trajeto for percorrido de ônibus ou avião, o acúmulo de pessoas pode fazer com que aquele indesejado resfriado também tire férias, acompanhando a família por pelo menos alguns dias.

Muitas pessoas tomam precauções desde que saem de casa, mas você sabe qual é a parte onde existem mais riscos de se contaminar em um ambiente como esse? Não tente falar que é no banheiro, pois esse é o engano mais comum cometido pelas pessoas.

Contato = risco

Como forma de verificar quais locais possuíam uma maior quantidade de germes, uma empresa de seguros dos EUA encomendou uma análise em que foram testados 18 pontos distintos de seis objetos diferentes, em três dos maiores aeroportos do país norte-americano. As amostras foram enviadas a um laboratório, que identificou a quantidade média de bactérias ou fungos por centímetro quadrado, conhecida como unidade de formação de colônia (UFC).

A constatação foi de que locais onde pessoas tocam as mãos são frequentemente os mais contaminados. Totens para check-in foram campeões de germes, com uma contagem de mais de 253 mil UFC, enquanto descansos de braços dos bancos da sala de embarque acusaram pouco mais de 21 mil UFC. Logo em seguida, ficaram os botões de bebedouros, com 19 mil UFC.

Um valor de UFC tão elevado nos totens se deve ao fato de que praticamente todas as pessoas que viajam são forçadas a tocar a tela diversas vezes, a fim de emitir seus bilhetes. No Aeroporto Internacional de Atlanta, considerado um dos mais movimentados do mundo, a análise da tela dos totens de check-in alcançou a incrível marca de 1 milhão de UFC! Como comparação, o assento de um banheiro possui, em média, uma contagem de 172 UFC.

Como se prevenir

Se você pretende passar suas tão aguardadas férias com saúde plena, o melhor a fazer é lembrar que quanto mais contato, mais riscos de contaminação. Caso seja preciso tirar os sapatos na revista do aeroporto, mantenha as meias para evitar qualquer tipo de contaminação dos pés, como fungos.

Carregar um tubo de álcool gel também pode ajudar a evitar maiores problemas, higienizando suas mãos cada vez que precisar interagir com algum objeto. Ainda, se você precisar sentar em algum banco, não custa limpar a parte superior dos apoios de braços com lenços higiênicos.

Isso pode parecer algo exagerado ou desnecessário  e, realmente, tudo pode correr bem sem tanta limpeza , mas será que vale assumir os riscos?

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.