A Psicologia explica por que odiamos ouvir músicas de Natal em novembro
67
Compartilhamentos

A Psicologia explica por que odiamos ouvir músicas de Natal em novembro

Último Vídeo

O ano está próximo do fim, e o comércio sabe disso melhor do que ninguém, então não é de se espantar que muitas lojas já estejam colocando decorações de Natal à venda, panetones, cestas de fim de ano e, claro, que tudo isso seja feito ao som das famosas músicas natalinas. Agora conte para a gente: você faz parte das pessoas que sentem vertigem quando são bombardeadas com músicas natalinas no começo do mês de novembro? Saiba que você não é o único.

Por mais bizarro que pareça, essa época do ano é conhecida por balançar as estruturas da nossa saúde mental mesmo, e de acordo com a psicóloga clínica Linda Blair, que falou sobre o assunto com a galera do Mental Floss, as pessoas que acham essa época do ano estressante acabam sofrendo mais com a chegada das musiquinhas natalinas.

“É um lembrete de que nós temos que comprar presentes, receber pessoas, organizar celebrações. Algumas pessoas vão reagir a isso fazendo compras por impulso, o que agrada o comércio. Outras acabam apenas saindo da loja. É um risco”, explicou a especialista sobre a reação dos consumidores quando estão em uma loja que começa resolve colocar para tocar aquele bom e velho “Então é Natal”.

O ano termina e nasce outra vez

grinch

Uma pesquisa realizada em 2011 coletou respostas de mil pessoas sobre essa época do ano e descobriu que 23% delas afirmaram que as músicas natalinas são a pior parte do fim de ano, pior até mesmo do que ganhar um presente ruim. Outro estudo, realizado em 2014 sobre o mesmo assunto, descobriu que 36% das pessoas já chegaram a sair de uma loja quando músicas de Natal começaram a tocar.

Mesmo quem não chega a abandonar o carrinho de compras quando alguém ressuscita aquele CD da Simone afirma que músicas natalinas são legais, sim, mas chegam a ser um pouco irritantes. Se você é do tipo que chega até a cantarolar junto, saiba que isso é conhecido como “efeito da mera exposição”, que é o que faz com que alguém aproveite coisas familiares.

É claro que nem todo mundo se incomoda com a questão musical do fim de ano, até mesmo porque a época costuma ser feliz, justamente pela reunião com familiares, pelas trocas de presentes, celebrações religiosas e por aí vai. Se você é do tipo de pessoa que começa o mês de novembro comendo panetone e tirando o pó da árvore de Natal, melhor ainda! Só entenda que se tiver algum Grinch por perto, isso é absolutamente normal.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.