Grafeno, o melhor repelente para espantar mosquitos?

Grafeno, o melhor repelente para espantar mosquitos?

Último Vídeo

Mosquitos não são apenas incômodos por causa do barulho irritante ou das alergias que marcam a pele. O pequeno inseto é considerado o animal mais mortífero do mundo, sendo o causador de mais de 725 mil pessoas todos os anos, enquanto cobras são responsáveis pela morte de 50 mil pessoas e tubarões “apenas” dez. Mas, um estudo recente descobriu o melhor repelente para espantá-los: grafeno. As folhas de grafeno são capazes de bloquear os sinais que os mosquitos utilizam para detecar uma possível fonte de sangue para se alimentar.

Publicado na Proceedings da Academia Nacional de Ciências, o estudo desenvolvido por pesquisadores da Brown University sugere que grafeno multicamada pode ser capaz de fornecer uma defesa dupla contra as picadas de mosquito. A capacidade de bloquear os sinais químicos também potencializa a proteção.

Os pesquisadores realizaram uma comparação na qual contabilizavam o número de picadas em três grupos distintos de participantes: um grupo com a pele nua, outro com a pele coberta com gaze e o último com a pele coberta por um filme de óxido de grafeno. Os participantes do último grupo sequer chamaram a atenção dos mosquitos. Para ter ainda mais certeza da eficácia do grafeno, os pesquisadores pingaram suor humano fora da barreira e rapidamente os mosquitos chegaram.

Foto: Pixabay

Robert Hurt, professor da Brown School of Engineering e principal autor do estudo, explica a pesquisa surgiu justamente pelo elevado número de doenças transmitidas pelos mosquitos, motivando a busca por uma proteção química contra as picadas. “Estávamos trabalhando em tecidos que incorporam grafeno como uma barreira contra produtos químicos tóxicos e começamos a pensar para que mais a abordagem poderia ser boa. Pensamos que o grafeno também poderia fornecer proteção contra picadas de mosquito”, afirma.

O estudo da Brown sugere, então, que revestimentos de grafeno projetados adequadamente podem se transformar em uma ótima matéria-prima para confecção de roupas de proteção contra os mosquitos. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.