(Fonte da imagem: iStock)

Ovos fritos, bacon e outros alimentos gordurosos podem ser muito gostosos para algumas pessoas, mas é preciso saber que a ingestão exagerada deles não é muito saudável – até aqui, nada de novo na história. A novidade está em uma pesquisa publicada pela Universidade de Oxford, que chegou à conclusão de que a gordura ingerida leva menos de quatro horas para ser depositada nos quadris.

O professor Fredrik Karpe, especialista em obesidade, é o responsável pelos estudos. Para chegar às conclusões, ele pediu para voluntários comerem comidas bem gordurosas que continham isótopos de carbono rastreáveis. Ao contrário do que se imaginava, a gordura não foi liberada aos poucos na corrente sanguínea e queimada pelos músculos, e não só o excesso dela foi incorporado ao corpo.

Na verdade, em cerca de uma hora já era possível encontrar a gordura na corrente sanguínea. Entre três e quatro horas após a ingestão, a maior parte já estava sendo incorporada ao tecido adiposo, mais especificamente ao redor da cintura – é a reserva energética de curta duração. Quando o organismo exige mais energia, a gordura da região é queimada. Por outro lado, caso a pessoa continue ingerindo alimentos gordurosos, a reserva lipídica será levada para os quadris (longa duração).

Fonte: Metro