8 fatos incríveis sobre lêmures!
49
Compartilhamentos

8 fatos incríveis sobre lêmures!

Último Vídeo

Não são apenas os mamíferos gigantes que estão encolhendo e desaparecendo; os lêmures também estão entre os mamíferos ameaçados de extinção.

Esses primatas extremamente inteligentes e expressivos que atualmente são encontrados apenas em Madagascar existem em dezenas de espécies — sendo que 73 delas estão em risco de desaparecer.

Antes que isso aconteça, veja alguns fatos curiosos sobre esses divertidos bichinhos!

1. Disputa de fedor

1

Exótico é pouco! Além de suas excentricidades em termos de aparência, os lêmures ainda têm hábitos estranhos. O lémure-de-cauda-anelada, por exemplo, é conhecido por suas disputas de quem é mais fedido. E é assim que esses animais decidem quem é mais forte ou brigam por território e comida, por exemplo. Mas apenas os machos se manifestam dessa maneira.

2. Girl power

2

Talvez porque os machos estão ocupados demais liberando odores desagradáveis, sociedades de lêmures são normalmente governadas por fêmeas. Isso é evidenciado em cenas normais em um ambiente com lêmures quando, por exemplo, os machos não começam a comer enquanto as fêmeas não terminam a refeição.

3. Esperteza governa

3

Diferente de ~certos primatas~, a popularidade entre os lêmures não é medida por curtidas no Instagram — embora eles certamente pudessem obter muitas, caso soubessem usar o app. Um estudo recente, realizado ainda neste ano, mostrou que, quanto mais esperto um lêmur é, mais admirado pelos colegas ele se torna.

Se, por exemplo, eles conseguem aprender uma nova tarefa ou habilidade, recebem comportamentos instigantes dos demais. Tocar, sentar-se próximo ou enfeitar os outros são algumas formas de demonstrar respeito e admiração entre os primatas que são direcionadas aos lêmures mais espertos.

4. Q.I. alto

12121

Identificar tamanhos, memorizar listas de imagens e a sequência na qual estão dispostas e até mesmo entender matemática básica. Tudo isso está dentro do rol de capacidades dos lêmures, segundo alguns experimentos que avaliaram suas habilidades cognitivas em 2013.

O ser humano demorou a colocar os lêmures entre os primatas que merecem ser estudados mais afundo, mas agora que está fazendo isso já percebeu que eles têm um sofisticado potencial de comunicação que inclui avisos sonoros e expressões faciais.

5. Miniaturas

Esses fofos nunca chegam a ter 1 metro de altura. Normalmente, eles medem cerca de 75 centímetros! E existe um deles com incríveis 6 cm de altura: o lêmure-rato-pigmeu!

6. Alf, o lêmur teimoso

1212131

Você sabia que já existiu uma espécie de lêmur que era parecido com o Alf, o ETeimoso? Ao menos é disso que suspeitam os pesquisadores do Museu Americano de História Natural.

Seu nome científico era Megaladapis Edwardsi e ele era gigante  tinha o tamanho de uma pessoa e chegava a pesar 160 quilos. Infelizmente, foi extinto em Madagascar por volta de 1500, quando os europeus chegaram por lá. Coincidência?

7. Talentosos

Além de inteligentes, há uma espécie de lêmures que é tão evoluída que consegue até mesmo cantar. Os lêmures-indri se reúnem em formações em grupo e produzem canções sincronizadas.

Não dá para acreditar, né? Então clique no vídeo abaixo!

8. Por fora lêmur, por dentro abelha

lemures

O que lêmures, abelhas e borboletas têm em comum? Todos eles são agentes polinizadores naturais. Isso mesmo. Assim como alguns tipos de insetos, eles interpretam um importante papel na natureza  o de levar o pólen de uma planta a outra nas florestas tropicais de Madagascar.

Uma espécie merece destaque por conta disso: as varecias, um tipo de lêmur que pode ser vermelho ou preto e branco.

Se não estava fofo o suficiente para você, saiba que ele faz essa polinização por meio da respiração  os bichinhos cheiram o pólen e saem por aí espalhando a poeira pelo focinho, ao expirar.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.