Conheça o homem que ficou ricaço ao criar testículos de silicone para cães

Para se tornar rico, basta ter uma ideia boa e inovadora. Esse é o conselho que a maioria dos milionários dão quando questionados sobre a fórmula do sucesso. O problema é justamente inventar algo que ainda não exista. Gregg Miller, de 65 anos, se tornou ricaço ao criar algo inusitado: os Neuticles.

Não sabe o que são os Neuticles? São testículos de silicone para implantar em cachorros castrados sem que eles percam a aparência masculina. Exato! Um norte-americano ficou milionário reimplantando bolinhas artificiais nos cães!

Tudo começou quando ele adotou Blood, mas se recusou a castrá-lo para não deixa-lo, digamos, desbolado. Só que o cachorro resolveu seguir seus instintos de procriação e acabou fugindo atrás de uma fêmea. Era o começo dos anos 90, e Miller ficou desesperado de nunca mais ter seu fiel companheiro de volta. Quando Blood reapareceu, o cara resolveu correr ao veterinário, mas implorou que “a aparência dada por Deus não sumisse”.

gregg millerGregg Miller criou uma forma de deixar os cães castrados, mas com aparência natural

Óbvio que o veterinário explicou que isso era impossível, já que, uma vez retirado os testículos, o saco escrotal ficaria mais murcho. E quando Miller sugerir criar uma prótese, o mesmo especialista disse que ele era louco, mas que, se ele quisesse, poderia pensar no negócio por conta própria.

Foi assim que Miller deixou um pouco seu emprego de repórter de lado para se dedicar ao protótipo do Neuticles. Com um investimento de US$ 100 mil, partilhado entre 32 incentivadores, o cara conseguir desenvolver as bolinhas de plástico e o resto é história! Em 1995, o primeiro implante comercial foi feito.

Até o momento, estima-se que mais de 500 mil implantes já tenham sido realizados em 49 países. Cada par de testículos de silicone custa em média R$ 1 mil. O negócio se tornou tão incrível que levou Miller a ganhar o Ig Nobel da Medicina em 2005 – um prêmio que parodia o famoso homônimo ao trazer ideias que a princípio parecem estúpidas, mas que acabam dando certo.

No começo, os testículos falsos eram de plástico duro, que faziam um som estranho quando o cachorro caminhava. Com o desenvolvimento do silicone, o negócio mudou de forma e prosperou. Agora, já são atendidos cães, gatos, cavalos e touros. Inclusive, ele criou um especial para um elefante!

neuticlesDiversos tamanhos de testículos artificiais

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.