Férias no espaço? Em 2025 você poderá estar em órbita com a família

Férias no espaço? Em 2025 você poderá estar em órbita com a família

Último Vídeo

Viajar é bom e todo mundo gosta, mas conhecer lugares inusitados chamam ainda mais a atenção dos aventureiros de plantão. Se esse é o seu caso, em alguns anos talvez o espaço seja uma de suas opções reais. Isso porque o projetista da Estação Espacial Von Braun revelou planos audaciosos que detalham a construção de um verdadeiro resort, só que no espaço.

O primeiro hotel espacial do mundo, segundo os planos, será construído pela Gateway Foundation e contará com design convidativo em seu interior, cozinhas completas, jogos, bares e gravidade artificial. Os planos é de que a estação seja visitada por cerca de 100 turistas por semana até 2025.

A aspiração do designer do projeto, Tim Alatorre, é transformar as viagens ao espaço em viagens comuns de férias. “Eventualmente, ir ao espaço será apenas outra opção que as pessoas escolherão para suas férias, como fazer um cruzeiro ou ir para a Disney World", afirma em entrevista ao Dezeen.

Foto: Von Braun Space Station

É claro que como toda novidade, essa terá um preço e, em um primeiro momento, será bem salgado. Mas, segundo o designer, embora no início as viagens sejam acessíveis apenas aos super ricos, elas não devem demorar a se tornar menos impossíveis a “pessoas comuns”.

Criador polêmico

Utilizando a tecnologia já usada na Estação Espacial Internacional, a Estação Espacial projetada para as férias terá uma diferença crucial, contará com gravidade artificial, o que poderá tornar a estadia mais gerenciável para um longo prazo. O designer acredita que a gravidade – correspondente a um sexto a da Terra – adicionará um senso de direção e orientação. Além disso, a estação permitirá ir ao banheiro, tomar banho ou comer a comida do jeito que estamos habituados por aqui.

Foto: Von Braun Space Station

O nome por trás das ideias é bastante polêmico: Wernher von Braun. Ele foi um dos principais cientistas nazistas, responsável pelo desenvolvimento do foguete V2 e levado pela NASA no pós-guerra, se tornou um famoso cientista americano. O hotel “diferentão” será parte do seu legado.

Hotel terá estrutura completa no espaço e empresa afirma ser só o começo

A estação será feita de uma roda gigante com 190 metros de diâmetro que irá girar para gerar uma força gravitacional. Serão 24 módulos individuais com instalações para dormir estarão espalhados ao redor dela em três decks. No total, estima-se que o hotel do espaço acomode aproximadamente 400 pessoas.

Foto: Von Braun Space Station

O hotel contará com restaurantes, bares, shows musicais, exibições de filmes e seminários educacionais, o que fez Alatorre compará-lo a um navio de cruzeiro, só que no espaço. Além disso, os designers planejam oferecer atividades como basquete de baixa gravidade, trampolim e escalada, um jogo semelhante ao quadribol de Harry Potter e outros que serão “inventados”. Além dos módulos disponíveis como condomínios, serão disponibilizados alguns para cientistas e governos.

O interior do hotel será criado com materiais naturais modernos, afirma o designer. Eles substituiriam pedra e madeira e seriam leves e fáceis de limpar. A iluminação será de cores quentes e tintas e texturas serão trabalhadas para dar uma sensação caseira. A estação será construída utilizando sistemas automatizados como drones e robôs enquanto em órbita, além do GSAL, equipamento especial para construção espacial.

Foto: Von Braun Space Station

A Gateway Foundation acredita que essa deve ser uma “prova de conceito” e planeja construir estações maiores. A próxima já tem até nome: The Gateway e poderá acomodar mais de 1.400 pessoas. "O sonho da Gateway Foundation é criar uma cultura de naves espaciais, onde existe uma comunidade permanente de pessoas que viajam no espaço vivendo e trabalhando na órbita da Terra e além”, explica Alatorre.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.